Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Twitter suspende a conta de Trump permanentemente

Segundo a empresa, decisão foi tomada pelo risco de mais incitação à violência; usuários da rede social pressionaram pela medida

Por Da Redação Atualizado em 12 mar 2021, 16h11 - Publicado em 8 jan 2021, 21h26

O Twitter baniu permanentemente na noite desta sexta-feira, 8, a conta do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Com isso, o perfil do republicano já está fora da ar na rede social. “Após uma análise cuidadosa dos tuítes recentes do @realDonaldTrump e o contexto em torno deles, suspendemos permanentemente a conta devido ao risco de mais incitação à violência”, disse a empresa.

Em um post no blog da companhia, o Twitter detalhou a decisão, dizendo que perfis de autoridades eleitas e líderes mundiais não podem estar totalmente acima das regras da plataforma e nem usá-la para incitar violência.

Usuários da rede social vinham pressionando a plataforma por medidas mais drásticas desde que um grupo de apoiadores de Trump invadiu o Capitólio, na última quarta, onde acontecia a reunião que certificou a vitória Joe Biden nas eleições presidenciais. Cinco pessoas morreram.

O vice-presidente Mike Pence e parlamentares que estavam no Congresso foram retirados às pressas por seguranças e muitos tiveram de se esconder atrás de móveis. O Twitter também foi usado por Trump para se dirigir a seus apoiadores e divulgar imagens das manifestações. Durante os atos, Trump pediu, na rede social, que os manifestantes não atacassem a polícia e que retornassem às suas casas. No entanto, em vez de criticá-los, ele disse “entender a dor” dos apoiadores, chamando-os de “especiais”.

Leia também:

Continua após a publicidade
Publicidade