Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Primeiro computador Macintosh, da Apple, completa 30 anos

Interface gráfica e mouse estão entre as principais inovações da Apple ao lançar o produto em 1984

A Apple comemora nesta sexta-feira o aniversário de 30 anos do lançamento da primeira versão do computador Macintosh. O computador foi criado por Steve Wozniak e Steve Jobs em 1984 e representou o primeiro grande sucesso da empresa, que mais tarde levaria ao mercado o iPhone e o iPad. Com o Macintosh original, a empresa foi pioneira em adotar uma interface gráfica e o mouse, recursos que simplificaram o uso dos computadores.

Leia também:

Novo Macbook Pro chega ao Brasil por 5.999 reais

Pixel, do Google, quer competir com Macbook Air

“A interface gráfica do Macintosh era amigável e mostrava um rosto feliz para receber o usuário. Ele oferecia pastas que se pareciam com pastas de arquivo e um lixo para jogar coisas fora. Com o clique do mouse, você podia mover coisas na tela, mudar o visual dela e combinar palavras com imagens e sons. Uma nova era havia começado”, diz a Apple, em texto publicado em uma página especial para comemorar os 30 anos do Mac. A empresa também divulgou um vídeo sobre a história do produto:


Apesar de inovar com o lançamento do Macintosh, a Apple ficou para trás no mercado após o lançamento do sistema operacional Windows pela Microsoft. O sistema foi adotado por grandes fabricantes de computadores, como a IBM, e acabou se tornando o mais popular do mercado. A Apple, porém, se manteve no mercado de computadores, graças aos fãs da marca e ao uso dos produtos por profissionais de empresas de mídia. Atualmente, a empresa fabrica seis modelos do Mac.

Os computadores da Apple voltaram a ganhar popularidade após o lançamento do iPhone, mas ainda representam uma fatia pequena das vendas. De acordo com a consultoria Gartner, o Mac representou pouco mais de 13% dos computadores vendidos no quarto trimestre de 2013 nos Estados Unidos, chegando a 2,1 milhões de unidades. Apesar disso, a Apple conseguiu aumentar suas vendas de computadores em 28,5% em um ano, enquanto as vendas de PCs caíram 7,5% nos Estados Unidos no mesmo período.