Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Esposa de Elon Musk diz estar ‘pronta para morrer em Marte’

Cantora Grimes contou que gostaria de se mudar para o planeta vermelho depois que completasse 50 anos e de ajudar a erguer uma colônia humana no local

Por Da Redação Atualizado em 31 mar 2021, 17h12 - Publicado em 31 mar 2021, 17h08

A cantora Claire Elise Boucher, mais conhecida por seu nome artístico Grimes, fez coro aos planos do marido Elon Musk de levar a humanidade ao planeta vermelho. “Pronta para morrer com a terra vermelha de Marte sob meus pés”, escreveu nesta quarta-feira, 31, a esposa do CEO da SpaceX e da Tesla em uma postagem para seus mais de 1,7 milhão de seguidores no Instagram.

Na foto, Grimes aparece diante das instalações da base de testes da SpaceX, em uma área do Texas chamada Boca Chica — cidade que Musk pretende batizar de “Starbase”.

View this post on Instagram

A post shared by ☘︎𝔊𝔯𝔦𝔪𝔢𝔰࿎ (@grimes)

A cantora canadense de 33 anos já havia manifestado seu desejo de viver (e morrer) em solo marciano. Em uma sessão de perguntas e respostas em suas redes sociais, Grimes contou que gostaria de se mudar para Marte depois que completasse 50 anos e ajudar a erguer uma colônia humana no local.  “Faria trabalho manual até a morte, provavelmente… mas espero que isso possa mudar”, afirmou Grimes, em fevereiro, de acordo com o tabloide The Sun.

Continua após a publicidade

Grimes e Musk estão juntos desde 2018 e têm um filho, chamado X Æ A-12. Eis o significado do nome incomum, segundo a mãe o “X” foi escolhido por ser a variável desconhecida em problemas matemáticos; “Æ” é a ortografia élfica de Ai (amor e/ou inteligência artificial), e uma vogal conhecida como “Ash”, que liga o “A” e o “E”, utilizado em línguas como o dinamarquês e islandês; enquanto “A-12” é o nome da aeronave favorita do casal.

  • Na semana passada, Elon Musk afirmou em uma postagem no Twitter que pretende levar espaçonaves da SpaceX para Marte “bem antes de 2030”. A empresa segue desenvolvendo protótipos do foguete Starship e espera avançar para o teste de voo em breve. “A SpaceX pousará naves estelares em Marte bem antes de 2030. O desafio realmente difícil é tornar a Base Alfa de Marte autossustentável”, escreveu Musk sobre seus planos de povoar o planeta vizinho. 

    Em outras entrevistas, Musk afirmou que pretende enviar até 1 milhão de pessoas a Marte até 2050 e lá construir uma cidade —  plano duramente criticado por alguns especialistas. O astrofísico chefe da Grã-Bretanha, Lord Martin Rees, falou em “ilusão perigosa”, enquanto o renomado  astrofísico e educador científico americano Neil deGrasse Tyson tratou a possibilidade como “irreal”.

    No início de março, a SpaceX amargou seu quarto acidente com um protótipo de foguete da SpaceX. A espaçonave Starship caiu ao tentar pousar em meio a forte neblina no Texas. Outros três modelos haviam explodido anteriormente.

    Continua após a publicidade
    Publicidade