Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

CEO do Facebook anuncia integração entre WhatsApp, Messenger e Instagram

Mark Zuckerberg afirmou que quer priorizar a liberdade e privacidade dos usuários em suas redes sociais

O presidente-executivo do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou nesta quarta-feira, 6, em suas redes sociais, a integração entre os aplicativos WhatApp, Messenger e Instagram. O objetivo, segundo ele, é de facilitar as conversas entre usuários e priorizar a privacidade nas plataformas de trocas de mensagens.

“As pessoas querem poder escolher qual serviço utilizar para se comunicar. Hoje, entretanto, se você quiser enviar uma mensagem para alguém no Facebook, é preciso usar o Messenger. No Instagram, é necessário o Direct. No WhatsApp, é preciso que a outra pessoa também tenha o app. Queremos dar às pessoas a chance de escolher. Sendo assim, elas podem falar com seus amigos de todas as redes sociais utilizando qualquer aplicativo que preferirem”, explicou Zuckerberg.

“Quando penso no futuro da internet, acho que uma plataforma de comunicação focada na privacidade se tornará ainda mais importante do que as plataformas abertas de hoje. Acredito que o futuro da comunicação se tornará cada vez mais privado, com serviços de criptografia que garantam a liberdade e segurança das conversas dos usuários”, concluiu.

O Facebook enfrenta problemas de privacidade, porque as conversas criptografadas limitam a capacidade da empresa para enviar anúncios direcionados. A empresa tem enfrentado críticas sobre sua capacidade de proteger a privacidade dos usuários em audiências no Congresso dos EUA. Zuckerberg garantiu a mudança dos produtos de mensagens para criptografia de ponta a ponta, impedindo que qualquer pessoa de fora, incluindo o Facebook, de monitorar as conversas.

(Com Reuters)