Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Carta ao Leitor: Tempo de inovação

Tema de reportagem de VEJA, Elon Musk é a tradução de uma época de permanente confronto entre o público e o privado, a democracia e o autoritarismo

Por Da Redação
Atualizado em 15 set 2023, 11h22 - Publicado em 14 set 2023, 19h00

Ao longo dos 55 anos de história de VEJA, completados na semana passada, houve preocupação permanente com um tema e um tipo de personagem muito específico: as inovações tecnológicas alimentadas por mulheres e homens que romperam a engrenagem dos movimentos óbvios para inventar um novo mundo. Em julho de 1995, a capa de VEJA anunciava a aventura do “micreiro de 13 bilhões de dólares”, Bill Gates, então com apenas 39 anos. Um dos trechos da reportagem resumia o espanto da revolução em curso: “A chegada de Bill Gates à lista dos biliardários marca a explosão de um novo tipo de riqueza no mundo dos negócios. Gates, a rigor, não fabrica coisas. Não é como Henry Ford, que fabricava carros, ou Antônio Ermírio de Moraes, que produz cimento. Bill Gates ficou rico tendo ideias. Suas ideias e a dos seus amigos e funcionários são os programas de computador, os softwares”.

Em janeiro de 2007, a revista iluminou o lançamento do iPhone — “Parece mágica” — e voltou a lembrar a linha histórica dos inventores americanos ao citar seu criador: “A apresentação do iPhone na semana passada entroniza o americano Steve Jobs, de 51 anos, líder da Apple, como o Henry Ford do século XXI, o empreendedor que está criando não apenas as máquinas mais extraordinárias, mas fazendo-o de modo que elas sejam acessíveis, se não às massas, a milhões de pessoas. Como Ford, Jobs não é uma usina de ideias júlio-vernianas. Ele é um fazedor, um gestor com uma visão e com os meios de torná-la realidade”. Gates e Jobs (1955-2011) são símbolos de um tempo de mudanças que não cessa. Segui-los, como agora se deve seguir outros inovadores, foi sempre atalho para entender como caminha a humanidade, na rota do progresso, da riqueza e também da justiça social. Ressalve-se, como nota de infeliz coincidência, como se lê na seção Datas, a morte em 10 de setembro passado do escocês Ian Wilmut, o “pai” da ovelha Dolly — o primeiro clone de animais de que se tem notícia, ímã a um só tempo de avanços e de discussões éticas, assun­tos que VEJA também nunca deixou de lado.

Uma reportagem especial desta semana, conduzida pelo editor Alessandro Giannini, mergulha na vida de um outro personagem seminal, o incontrolável empresário sul-africano Elon Musk. Ele é o mote de uma biografia escrita pelo jornalista americano Walter Isaacson — que já vasculhou as existências de Leonardo da Vinci, Benjamin Franklin… e Jobs —, que acaba de ser lançada no Brasil. Uns adoram Musk, outros o odeiam, mas pouco importa — acompanhá-lo é a tradução de um tempo de controvérsias, de permanente confronto entre o público e o privado, a democracia e o autoritarismo. VEJA espera contribuir para o debate ao destacar em suas páginas uma figura como Musk, inescapável, interessante demais para ser negligenciada ou desprezada.

Publicado em VEJA de 15 de setembro de 2023, edição nº 2859

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.