Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Saiba quais repelentes não evitam picadas de mosquitos

Velas de citronela, por exemplo, não têm nenhuma eficácia contra mosquitos, segundo aponta estudo

Por Da redação Atualizado em 17 fev 2017, 12h10 - Publicado em 16 fev 2017, 19h59

Segundo a pesquisa da Universidade de Oxford, nos Estados Unidos, publicada nesta quinta-feira, no Journal of Insect Science, muitos produtos que prometem repelir insetos, como o Aedes aegypti, na verdade, não funcionam. Foram testados 11 tipos de repelentes do mercado, entre eles a vela de citronela, e a maioria apresentou eficácia menor do que a anunciada nas embalagens.

A técnica utilizada para descobrir a eficácia dos produtos teve a participação de voluntários, colocados em um túnel ventilado, a uma distância de aproximadamente um metro dos mosquitos. A eficácia de cada produto era avaliada de acordo com a distância que os mosquitos se mantinham das vítimas.

  • Produtos à base de hortelã-pimenta, capim-limão e icaridina, substância encontrada na pimenta, apresentaram baixa eficácia. Já a vela de citronela combinada com a pele humana atraiu ligeiramente mais mosquitos do que a isca humana sozinha. No entanto, a diferença não foi estatisticamente significativa. Outros produtos, compostos por citronela e geraniol, também não apresentaram efeito.

    Apesar dos resultados, em geral, negativos, o teste mostrou que dispositivos repelentes a base de DEET e PMD (óleo de eucalipto-limão) são altamente eficazes e de maior duração, reduzindo em até 60% a atração dos mosquitos.

    Continua após a publicidade
    Publicidade