Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gel para dentição pode fazer muito mal à saúde do bebê, diz estudo

A maioria dos produtos contém sacarose, álcool ou lidocaína na composição, substâncias que podem prejudicar as crianças

Quando os dentes do bebê começam a nascer por volta dos seis meses de idade, é comum que ele chore, tenha febre e falta de apetite. Por causa disso, muitas mães recorrem a gel anestésico infantil para aliviar o sofrimento dos filhos. No entanto, o uso desse tipo de produto pode ameaçar o bem-estar do bebê. Estudo realizado pelo Serviço de Saúde Pública do País de Gales descobriu que a maioria dos géis contém sacarose, álcool ou lidocaína na composição. Cada um desses ingredientes interfere na saúde do bebê.

A sacarose é um tipo de açúcar que pode aumentar o risco de cárie e o álcool pode interferir no sono. Já a lidocaína pode provocar efeitos colaterais quando usadas em altas doses, incluindo reações alérgicas, tontura, queda de pressão e dor de garganta. A lidocaína é utilizada como anestésico local e precisa ser reaplicada quando seu efeito passa, o que aumenta o risco de contato com altas doses. Por causa disso, as autoridades de saúde orientaram que os pais evitem utilizar produtos que contenham essas substâncias.

Os pais compram esses produtos para dentição na tentativa de aliviar o sofrimento das crianças e não percebem o que estão realmente oferecendo aos pequenos”, disse Mick Armstrong, da British Dental Association (BDA), na Inglaterra, ao The Independent.

Perigo

Em 2016, a Food and Drug Administration, agência americana para controle de medicamentos, emitiu um comunicado de alerta depois de ser notificada da mortes de dez crianças e do surgimento de efeitos colaterais em outras 400 – todos ligados ao uso de géis anestésicos para dentição composto por lidocaína. Desde então a agência aconselha os país a evitarem produtos com essa substância. Em maio deste ano, as autoridades de saúde da Austrália já mandaram retirar esses medicamentos do mercado.

No Brasil, a maioria dos produtos anestésicos para a dentição são compostos por lidocaína. A venda é autorizada, mas a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) não recomenda o uso.

O que fazer?

Existem formas não medicamentosas para aliviar o incômodo na gengiva do bebê. Uma forma de fazê-lo é oferecer mordedores à criança. Uma boa dica é mantê-lo na geladeira quando não estiver sendo usado, pois a a baixa temperatura também ajuda a aliviar a dor. Fazer massagem da gengiva do bebê é outra forma de garantir alívio dos sintomas. Manter a criança distraída pode fazê-la esquecer momentaneamente da dor.