Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Conheça os 5 protetores aprovados em teste de qualidade

Entre as 10 marcas analisadas pela Proteste, cinco passaram no teste de qualidade. As demais apresentavam fator de proteção inferior ao da embalagem

Por Giulia Vidale 28 nov 2016, 18h05

Na quarta edição do teste sobre a eficiência e qualidade de protetores solares, a Proteste optou por avaliar, pela primeira vez, versões do produto para o rosto. Das dez marcas analisadas, com fator de proteção solar (FPS) igual ou superior a 50, apenas cinco passaram na avaliação. São elas: Nivea, Cenoura & Bronze, Natura, O Boticário e Cataphil.

Na análise, foram verificados o fator de proteção solar (proteção UVB), índice de proteção UVA, resistência à água, rotulagem e uso. Neste último quesito, 30 voluntárias experimentaram os produtos e opinaram sobre características como facilidade
de espalhar no rosto, absorção e aroma.

Entre as marcas analisadas apenas três – Nivea, Cenoura & Bronze e Natura – foram consideradas com “boa qualidade” em todas as variáveis. O Boticário e Cetaphil foram classificadas com “média qualidade” principalmente nos quesitos resistência à água e teste em uso e as demais foram reprovadas por apresentarem FPS inferior ao indicada na embalagem.

Veja abaixo os resultados completos do teste realizado pela Proteste:

protetores-solares-faciais

  • Testes

    A resistência dos produtos foi avaliada medindo o FPS antes e após 40 minutos dentro da água e, segundo a organização, foram considerados adequados os protetores que, depois desse período tiveram, no máximo, perda de 50% do FPS. Todos os filtros de nossa amostra se mostraram adequados, com destaque para o da Natura, que se manteve com 89,9% de seu FPS original, e Nivea, que continuou com 77,44%.

    Além das análises laboratoriais e sensoriais – com as voluntários – a Proteste realizou uma pesquisa de preço de todos os produtos da amostra. No total, foram 448 preços em 186 estabelecimentos na Bahia, em Minas Gerais, em Pernambuco, no Paraná, no Rio de Janeiro, em Niterói, no Rio Grande do Sul, em Santa Catarina e em São Paulo. Os resultados mostraram que, em quase todas as regiões o mais caro, entre os pesquisados, foi o Cethaphil, e o mais barato, o Cenoura & Bronze.

    Continua após a publicidade
    Publicidade