Clique e assine a partir de 9,90/mês

Com 18,5% de aumento, SP tem recorde em número de mortes por coronavírus

Esse é o maior aumento já registrado em 24 horas no estado; de acordo com a Secretaria Estadual da Saúde, houve atraso nas notificações devido ao feriado

Por Da redação - Atualizado em 23 abr 2020, 17h00 - Publicado em 23 abr 2020, 16h43

Nesta quinta-feira 23, o estado de São Paulo registrou 211 novos óbitos em apenas 24 horas, totalizando 1.345 mortes por Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Isso representa um aumento de 18,5% em relação ao número de óbitos de quarta-feira, 22, quando tínhamos 1.134 mortes confirmada. É um recorde para o estado. Nos últimos dias, o aumento média era de 3%. De acordo com governo do Estado, o salto de 18,5%, se deu pelo atraso nas notificações devido ao feriado.

São Paulo é o estado com o maior número de mortes e casos confirmados de infecções pelo novo coronavírus no país. São 16.740 casos da doença, um aumento de 5% em relação aos dados de quarta-feira. Ainda de de acordo com o governo de São Paulo, 114 cidades paulistas registram mortes pela doença e 256 municípios já tem casos confirmados de Covid-19.

Segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, a doença avança fora da capital, onde a concentração de mortes caiu de 87% para 67% neste mês. Por outro lado, o número de óbitos cresceu 21 vezes no interior, litoral e outras cidades da Grande São Paulo. O balanço desta quinta-feira aponta 433 mortes nessas regiões. No dia 1º de abril, eram apenas 20 mortes fora da capital paulista.

LEIA TAMBÉM:
O Brasil vai virar o novo epicentro da pandemia de coronavírus?

Há também um aumento expressivo nas internações, com 7.000 suspeitos e confirmados nos hospitais de SP – 2.807 internados em UTI e 4.196 em enfermaria. A taxa de ocupação dos leitos de UTI para atendimento de Covid-19 no Estado de São Paulo está em 55,3%. Na Grande São Paulo, a taxa está em 74%.

Crianças e adolescentes

De acordo com Paulo Menezes, coordenador da Coordenadoria de Controle de Doenças da Secretaria de Estado da Saúde de São paulo, 94 casos da doença foram registrados em crianças de até 10 anos e 165 casos confirmados em crianças e adolescentes de até 19 anos. Em relação aos óbitos, até o momento não há nenhuma morte em crianças menores de 10 anos e três óbitos foram confirmados na faixa etária de 10 a 19 anos. “A ocorrência da Covid-19 nessa faixa etária é menor do que em outras faixa etárias, mas ela ocorre e pode causar quadro grave”, alerta Menezes.

Continua após a publicidade
Publicidade