Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Veja Essa

As frases que marcaram a semana

Diante das dificuldades de distribuição da revista decorrentes da greve dos caminhoneiros, VEJA, em respeito aos seus assinantes, está abrindo seu conteúdo integral on-line.

Não queremos ser conhecidos como o país da propina.

SERGIO MORO, em discurso para formandos da Universidade de Notre Dame, nos Estados Unidos

Pode haver alguém tão íntegro quanto eu, mas mais não tem.

GERALDO ALCKMIN, pré-candidato do PSDB à Presidência, integrando-se à legião de anjos que sempre aparece no discurso de políticos. Lembra você sabe quem

Eduardo Cunha foi um herói.

MARCO FELICIANO, deputado federal pelo Podemos, numa manifestação involuntária da miséria brasileira

Ficam dando destaque a bobagens, como se se tratasse de coisa séria. O Jair não é racista, tem 500 amigos negros.

GUSTAVO BEBIANNO, advogado do candidato a presidente, recorrendo à frase mais racista que a “democracia racial” popularizou

Quando você está no gramado e o time está perdendo, é piranha. Quando o time está ganhando, é gostosa.

FERNANDA GENTIL, repórter de esportes da Rede Globo, sobre a experiência, inigualável, de cobrir jogos dentro de campo

Estamos dando uma pausa na guerra comercial.

STEVEN MNUCHIN, secretário do Tesouro dos Estados Unidos, sobre a suspensão temporária de tarifas no comércio com a China

O problema é vocês estarem falando espanhol na loja de um estado onde o inglês é a língua predominante.

AGENTE O’NEAL, da patrulha de fronteira dos EUA, ao abordar duas mulheres que falavam espanhol e exigir que apresentassem sua identidade. Elas são cidadãs americanas

Eu teria feito mais uma prova.

KATY PERRY, cantora, achando defeito no vestido de noiva — para lá de bonito e adequado — de Meghan Markle

O discurso que eles buscam atingir é protegido pela primeira emenda.

NAOMI REICE BUCHWALD, juíza federal dos Estados Unidos, ao determinar que a mania de Donald Trump de bloquear usuários do Twitter que o criticam fere a Constituição americana, garantia de inegociável liberdade de expressão

 (//Divulgação)

Imprensa sensacionalista é triste. Chegando ao aeroporto, deparei com flashes na minha cara. Meu instinto foi usar meu travesseiro para me tapar deles.

GISELE BÜNDCHEN, que vive da própria imagem, tentando explicar por que nem sempre sua imagem está à venda aos paparazzi de plantão

Publicado em VEJA de 30 de maio de 2018, edição nº 2584

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. E eu acredito na frase de Alckmin! Ele tá muito tranquilo pra alguém que está envolvido com escândalos. Quem não deve, não teme! Alckmin 2018!

    Curtir