Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

O que mexe com Putin

Incêndio em shopping ofusca a crise diplomática

Por Duda Teixeira 30 mar 2018, 06h00

Na segunda-feira 26, o governo americano anunciou a expulsão de sessenta diplomatas russos. A medida, que também foi adotada por outros 25 países ocidentais e pela Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), foi uma represália ao envenenamento do ex-­espião russo Sergei Skripal e de sua filha, na Inglaterra. Segundo o governo inglês, a ordem partiu de Moscou. A expulsão de diplomatas é uma maneira de mostrar que o Ocidente está unido contra as tentativas do governo russo de causar o caos em suas democracias, mas não é o bastante para conter o presidente Vladimir Putin. “Simbolicamente, isso pode atingi-lo, mas as medidas não terão muito efeito se não forem acompanhadas por mais sanções econômicas”, diz o historiador inglês Steve Hewitt, da Universidade de Birmingham.

O que realmente pode preocupar Putin é o descontentamento interno. Ele foi reeleito com folga no último dia 18, mas a população está mais consciente dos próprios direitos e, assim como vê o presidente como responsável por seus ganhos, também atribui a ele os problemas que enfrenta. A reação ao incêndio em um shopping center na Sibéria que matou 64 pessoas, entre elas 41 crianças, no dia 25, mostra o risco que todo governo personalista e centralizador corre. Os familiares relacionam as falhas nos dispositivos anti-incêndio à corrupção das autoridades. Em meio ao luto, houve protestos aos gritos de “Renuncie, Putin”.

Publicado em VEJA de 4 de abril de 2018, edição nº 2576


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)