Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Papa Francisco e a sombra da renúncia

A cena do pontífice sendo empurrado para cima e para baixo por um ajudante de ordens levou a especulações sobre o seu futuro à frente da Santa Sé

Por Alessandro Giannini Atualizado em 10 jun 2022, 08h47 - Publicado em 10 jun 2022, 06h00
Imagem da semana
Grzegorz Galazka/Getty Images

Com a saúde frágil, o papa Francisco, de 85 anos, tem sofrido com os ligamentos do joelho, cujas dores o impedem de ficar em pé e o obrigam a usar uma cadeira de rodas para se locomover. Além de causar comoção, a cena do pontífice sendo empurrado para cima e para baixo por um ajudante de ordens levou a outras especulações sobre o seu futuro à frente da Santa Sé. Uma série de recentes decisões do argentino Jorge Mario Bergoglio alimenta rumores de uma eventual renúncia, como fez Bento XVI em 2013. Evidentemente, não há ainda passos concretos, mas os gestos de agora servem para esquentar o disse me disse nos corredores do Vaticano, divulgado pela imprensa italiana. O pontífice anunciou um consistório no dia 27 de agosto para ordenar 21 novos cardeais. Dezesseis deles têm menos de 80 anos e são elegíveis para votar em um conclave, como são chamadas as grandes reuniões para a eleição papal. Para esquentar ainda mais as teorias conspiratórias, Francisco viaja no dia seguinte para a cidade de L’Aquila, a fim de participar de um evento religioso, a Festa do Perdão Celestino, em homenagem ao papa Celestino V. Eleito em julho de 1294, ele renunciaria quase cinco meses depois. Em 2009, após um terremoto, Bento XVI também esteve lá e prestou homenagem ao longínquo antecessor. Francisco estaria dando sinais parecidos com os de Joseph Ratzinger? Talvez sim. Se de fato ele se retirar, a humanidade, espantada, teria pela primeira vez três papas simultâneos — dois eméritos, e um novo, ungido ao trono de Pedro.

Publicado em VEJA de 15 de junho de 2022, edição nº 2793

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)