Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Moro: de eleitor de Lula a algoz do ex-presidente

Em 1989, Lula era o candidato preferido do juiz — que três décadas depois o condenaria à prisão

Para 31 milhões de eleitores, Lula era o melhor candidato para ocupar a Presidência da República já em 1989. Responsável pela Operação Lava-Jato, Sergio Moro também pensava assim. Estudante secundarista de Maringá, ele votou pela primeira vez aos 17 anos. Seu candidato preferido não passou do primeiro turno. Entre Lula e Fernando Collor, os dois finalistas, Moro não teve dúvida. Três décadas depois, os nomes dos dois ex-presidentes apareceram no gabinete do juiz, em Curitiba, envolvidos no maior escândalo de corrupção da história. Collor, que ganhou a eleição em 1989 e sofreu impeachment três anos depois, foi apanhado recebendo propina e seu caso, enviado ao Supremo Tribunal Federal.

O caso de Lula permaneceu sob os cuidados da Justiça Federal do Paraná, onde ele foi condenado por Sergio Moro por corrupção e lavagem de dinheiro. Com a negativa do Supremo de conceder um habeas-corpus ao ex-presidente, coube ao juiz emitir a ordem de prisão para que o petista começasse a cumprir a pena.

Atacado por petistas e simpatizantes do ex-presidente desde o início da Lava-Jato, Moro sentiu na pele as consequências de enfrentar interesses poderosos. Ele não gosta de falar sobre o tema, mas, a pessoas próximas, reclama da falta de privacidade desde que passou a receber a proteção de agentes da Polícia Federal. Um simples passeio com os filhos é sempre uma operação delicada. Além de ter os agentes por perto, Moro é instado a usar disfarces para não ser reconhecido.

Assine agora o site para ler na íntegra esta reportagem e tenha acesso a todas as edições de VEJA:

Ou adquira a edição desta semana para iOS e Android.
Aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Também votei no Lula. Foi decepcionante, mas melhor assim. O PT não é esse bandido.

    Curtir

  2. Todos fomos enganados, e muitos ainda continuam sendo.

    Curtir

  3. juana antonia da silva

    Deus pôs a mão e vai por também em todos os outros canalhas políticos larápios. Vão todos para a cadeia!

    Curtir

  4. judson benedito brisolla franchi

    1989

    10 anos após a redemocratização, muito bem garantida pelo honrado brasileiro Ernesto Beckham Geisel

    Muitos brasileiros, como eu tinham sonhos

    Só que não sabíamos que um desses sonhos isso trazer o pesadelo de deboche, arrogância, corrupção e oba-oba de imPresTáveis

    Feliz estadia na cadeia, lula por sua muito bem merecida prisão

    Curtir

  5. Nilson Rodrigues

    Eu votei em Lula diversas vezes, em suas derrotas e suas vitórias. É da vida ser enganado.

    Curtir

  6. Pietro Muniz Giotto

    Agora todo mundo votou no Lula. Inclusive o juizinho mentiroso. Mentir, inventar e enganar é típico de vcs mesmo.

    Curtir

  7. Eder J. Alcântara

    Moro fez e espero continuar fazendo um “bom” trabalho com a prisão de Lula e de outros membros do partido que são bandidos e ladrões. A unica injustiça que vejo com o Lula e de que outros ex-presidentes fez e o atual continua fazendo; “praticando o mesmo crime”. Que a lei seja no minimo justa pra todos, se não fica mais claro que a justiça da lava jato é parcial.

    Curtir