Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mensagens mostram que coronel Lima foi intermediário de Temer

Sem ser funcionário público nem assessor do emedebista, ele abriu as portas do governo a interesses privados e informou o presidente do serviço prestado.

Investigados no inquérito que apura se houve pagamento de propina na edição de um decreto sobre o setor de portos, o presidente Michel Temer (MDB) e o coronel João Baptista Lima Filho, amigos há mais de três décadas, declaram-se inocentes e perseguidos por adversários. Temer diz que o cerco judicial ao coronel pretende desestabilizar seu governo, e, por isso, seus assessores ameaçam até pedir o impeachment do relator do caso, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF). Já o coronel afirma que nunca recebeu propina e nega ser laranja do presidente — os dois, segundo ele, teriam apenas uma relação de amizade, uma “coisa pura”, sem “outros interesses”.

Mensagens encontradas no celular do coronel, às quais VEJA teve acesso, comprovam que a relação entre Temer e Lima foi além disso. Mostram como o coronel exerceu — em pelo menos um caso — o papel de intermediário entre Temer e um dos maiores grupos empresariais da área portuária. Revelam que Lima, sem ser funcionário público nem mesmo assessor de Temer, abriu as portas do governo a interesses privados e fez questão de informar o presidente do serviço prestado. O diálogo não traz o desfecho da história, mas o grupo empresarial ajudado pelo coronel teve sua demanda atendida por um apadrinhado de Temer no governo. Coisa na casa do bilhão de reais.

Assine agora o site para ler na íntegra esta reportagem e tenha acesso a todas as edições de VEJA:

Ou adquira a edição desta semana para iOS e Android.
Aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Francisco Lemos

    O brasil esta completamente podre. E tem gente que ainda acredita em urnas eletronicas….

    Curtir

  2. dessa vez o temeroso cai, se Deus quiser! Incrível ver como quase nao tem comentários aqui! Onde está o gigante ? Cidadãos de bem? Precisamos reagir e sair da inércia meu povo, até quando tanto seletivismo minha gente? Acordamos!!!

    Curtir

  3. Onde estão os cidadãos de bem, leitores da Veja? Acorda minha gente!!!

    Curtir

  4. Carlos Aurélio

    Ok, Francisco, você está certo. Sabemos que a quadrilha está muito bem protegida, mas faremos melhor em outubro próximo. Vamos mandar todos pra lata do lixo!

    Curtir

  5. Carlos Aurélio

    Aliás, e os 51.000.000 encontrados no apartamento do puxa-saco do temer?

    Curtir