Clique e assine a partir de 9,90/mês

Lula prometeu a neto provar sua inocência, afirma aliado

Segundo deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP), petista ficou o tempo todo do velório de Arthur, de 7 anos, ao lado dos familiares

Por Estadão Conteúdo - 2 Mar 2019, 14h09

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva falou entre quatro e cinco minutos durante o velório do neto Arthur Araújo Lula da Silva, que morreu aos 7 anos de meningite meningocócica. Segundo o deputado Ivan Valente (PSOL-SP), que participou do velório, Lula prometeu ao neto que iria provar sua inocência ao neto e que os ladrões chegaram ao poder.

Ainda de acordo com Valente, Lula ficou todo o período ao lado dos familiares e disse também que o neto iria encontrar no céu a avó e ex-primeira-dama Marisa, mulher de Lula, que morreu em 2017.

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, que foi candidato do PT a presidente no ano passado, disse que Lula está triste “com tudo o que está acontecendo” e afirmou que não se pode subestimar a dor do ex-presidente.

Publicidade