Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Lula faz ofensiva contra abstenções e voto nulo

Petista pediu para as pessoas irem votar no próximo domingo; ex-presidente tenta liquidar a fatura no primeiro turno contra Jair Bolsonaro

Por Lucas Vettorazzo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
30 set 2022, 11h29

Durante evento de campanha no Rio de Janeiro nesta sexta-feira, 30, Lula (PT) reforçou a ofensiva que a sua campanha tem feito contra as abstenções e o voto nulo nas eleições do próximo domingo. 

O petista incentivou também o comparecimento em peso nas urnas do eleitorado que, pela regra, não é obrigado a votar, que são as pessoas acima de 70 anos de idade e os adolescentes de 16 anos.

Pela pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira, 29, Lula tem 50% dos votos válidos contra 36% de Jair Bolsonaro (PL). Na última eleição presidencial, em 2018, quando Fernando Haddad era o concorrente petista em substituição a Lula, que estava preso na ocasião, as abstenções representaram 21,3% do eleitorado. Em número absolutos, foram cerca de 30 milhões de eleitores que deixaram de votar. 

A ideia do PT neste ano é buscar capturar o voto dos descrentes com a política para tentar liquidar a fatura já no primeiro turno. Os ataques duros à gestão bolsonarista se inserem neste contexto. Lula disse nesta sexta que o eleitor que abre mão de votar estaria também abrindo mão de cobrar um futuro governo. 

“Para as pessoas que estão desanimadas pensando em não votar, não façam isso, mesmo que tenham 70 anos ou 16. Votando, a pessoa tem o direito de cobrar. Se não vota, fica desprovido de meios para cobrar e questionar. É preciso que as pessoas saibam que esta será a votação mais importante da nossa história”, disse Lula. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.