Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsonaro apresenta melhora progressiva, diz novo boletim

Presidente permanece sem dores e sem febre, e terá a alimentação parenteral reduzida a partir deste domingo

O presidente Jair Bolsonaro começará a receber menor volume de dieta parenteral (alimentação líquida pela veia) neste domingo, segundo boletim médico divulgado pelo hospital Vila Nova Star, em São Paulo. A nova etapa é importante, porque o presidente só poderá ter alta depois que estiver livre da alimentação endovenosa.

Ontem, Bolsonaro saiu da dieta exclusivamente líquida e começou a receber 200 ml de alimentação cremosa. Nessa etapa, ele permanece recebendo os dois tipos de alimentação para conseguir atingir uma quantidade suficiente de calorias, o que é muito difícil apenas com alimentação líquida. O aumento da dieta cremosa depende da reação do intestino do presidente, que permanece em constante avaliação da equipe médica.

Segundo o boletim, Bolsonaro permanece sem dores e sem febre. Continua recebendo fisioterapia respiratória e motora, com frequentes caminhadas pelo corredor do hospital. As visitas permanecem restritas, segundo o comunicado.

Nesse sábado, o presidente recebeu a visita de uma irmã, um cunhado e sobrinhos, e permanece acompanhado pela primeira dama, Michele Bolsonaro, e do filho Carlos, o Zero Dois.