Clique e assine com até 92% de desconto

Tempestade tropical Nate deixa 22 mortos na América Central

Segundo os meteorologistas, os Estados Unidos devem receber Nate nos próximos dias como um furacão de pouco força

Por Da redação Atualizado em 5 out 2017, 21h29 - Publicado em 5 out 2017, 21h20

A tempestade tropical Nate desencadeou forte chuva por grande parte da América Central nesta quinta-feira, matando 22 pessoas. Agora segue em direção ao Caribe e à costa do Golfo dos Estados Unidos, onde deve chegar como um furacão neste fim de semana.

Segundo as autoridades da Costa Rica, sete pessoas morreram por conta das chuvas, entre elas duas crianças. O governo declarou estado de emergência, fechando escolas e outros serviços. Ao menos 15 pessoas estão desaparecidas.

Estradas foram fechadas por conta de deslizamentos de terra e quedas de energia também foram relatadas em partes do país, para onde as autoridades enviaram mais de 3.500 soldados. “Podemos garantir que o número de pessoas desalojadas vai aumentar muito”, disse o presidente da Costa Rica, Luis Guillermo Solis, em entrevista coletiva.

Na Nicarágua, quinze pessoas morreram, segundo o vice-presidente do país, Rosario Murillo. Em algumas áreas isoladas do país pode chover mais de 51 centímetros nos próximos dias. As escolas do país foram fechadas como forma de prevenção. Nas últimas semanas, a Nicarágua foi vítima de chuvas fortes e constantes, o que causou muitos alagamentos e desabamentos de terra.

  • Por volta das 14h desta quinta-feira, no horário local, a tempestade Nate estava somente a 80 quilômetros a noroeste de Puerto Cabezas, Nicarágua, e a cerca de 80 quilômetros a sul-sudoeste de Puerto Lempira, Honduras, se movendo a noroeste com velocidade de 15 quilômetros por hora, segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC).

    Com ventos de 64 quilômetros por hora, deve atingir a costa do Golfo dos Estados Unidos no domingo. A tempestade estará “perto de intensidade de furacão” quando se aproximar da península de Yucatan na sexta-feira, informou o NHC.

    Autoridades da Flórida e do Texas pediram nesta quinta-feira para moradores se prepararem para a tempestade. Um estado de emergência foi declarado para 29 condados da Flórida e para a cidade de Nova Orleans.

    (Com Reuters)

    Continua após a publicidade
    Publicidade