Clique e assine a partir de 9,90/mês

Primeira-dama da Polônia ignora protocolo e deixa Trump no vácuo

A etiqueta cerimonial dita que se deve sempre cumprimentar primeiro a maior autoridade presente

Por Da redação - Atualizado em 7 jul 2017, 17h32 - Publicado em 6 jul 2017, 23h45

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, protagonizou nesta quinta-feira mais um episódio constrangedor de sua saga de apertos de mão. Em Varsóvia, a primeira-dama polonesa, Agata Duda, ignorou a mão estendida de Trump e cumprimentou Melania antes de se dirigir ao líder americano. O republicano, notório por cumprimentar de forma agressiva seus interlocutores, com puxões de braço que teriam o objetivo de impor autoridade e demostrar superioridade, ficou visivelmente contrariado.

O gesto da primeira-dama provocou uma enorme controvérsia nas redes sociais. Enquanto algumas pessoas apontam que Agata teria esnobado propositadamente o presidente americano, outras defendem que ela simplesmente não viu o movimento de Trump. O vídeo deixa dúvidas e, como se não bastasse, circula também na internet uma versão editada, em que a cena em que a primeira-dama e Trump se cumprimentam logo depois da gafe foi cortada.

Qualquer que seja o caso, no entanto, Duda quebrou o protocolo. A etiqueta cerimonial dita que se deve sempre cumprimentar primeiro a maior autoridade presente. É comum que a regra provoque situações embaraçosas, já que a etiqueta geral estipula que as mulheres sejam saudadas primeiro, mas raramente vê-se uma situação como essa entre as autoridades do primeiro escalão – o que alimenta ainda mais as teorias de que a atitude de Agata foi deliberada.

Publicidade