Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Parlamento britânico adota regra para dificultar o Brexit

Medida previne país contra possível tática de Boris Johnson, conservador que deve ser eleito primeiro-ministro no dia 22

Por Da Redação Atualizado em 18 jul 2019, 16h57 - Publicado em 18 jul 2019, 16h47

Antecipando-se à possível eleição do conservador Boris Johnson como primeiro-ministro britânico, o Parlamento do Reino Unido aprovou nesta quinta-feira, 18, medida para tornar mais difícil a retirada do país da União Europeia (Brexit). A emenda, sustentada pelos votos de 315 deputados, impede que o futuro governante prorrogue ou suspenda o Parlamento como meio de forçar o início do Brexit.

A escolha entre Johnson e o atual ministro das Relações Exteriores, Jeremy Hunt, para suceder Theresa May se dará no próximo dia 22. Johnson foi um dos ícones da campanha em favor do Brexit, no referendo de 2016, e insiste na saída do Reino Unido do bloco europeu mesmo sem acordo com Bruxelas. Hunt mantém posições mais moderadas.

A agência britânica de Orçamento (ORB) adverte que o Reino Unido cairá em recessão plena se sua retirada da União Europeia se der sem acordo e acumulará um rombo de 30 bilhões de libras esterlinas nas contas públicas. O Brexit tem data marcada para acontecer em 31 de outubro, e os líderes europeus já se manifestaram contrariamente a uma nova prorrogação e à alteração no acordo fechado neste ano com May – o mesmo rejeitado três vezes pelo Parlamento.

A emenda aprovada nesta quinta-feira recebeu 274 votos contrários. Dos 315 votos a favor estava a ministra de Cultura, Margot James, que pediu demissão do cargo para poder votar. Mas quatro ministros contrariaram a orientação de May e não compareceram para votar.

“A primeira-ministra está obviamente desapontada com o número de ministros que se ausentaram da votação desta tarde. Não tenho dúvidas de que seu sucessor levará isso em conta quando formar seu governo”, afirmou a porta-voz de Downing Street 10.

(Com Reuters)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês