Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

EUA, Brasil, Europa e mais: países reagem a ataque de Irã contra Israel

Comunidade internacional responde ao aumento das tensões no Oriente Médio e condena ação iraniana

Por Redação
Atualizado em 8 Maio 2024, 13h18 - Publicado em 14 abr 2024, 09h24

Os Estados Unidos e a União Europeia reagiram de forma categórica contra o ataque aéreo do Irã contra Israel neste sábado, 13, condenando a ofensiva ao mesmo tempo em que declararam temor diante da escalada das tensões no Oriente Médio. Em comunicado, o governo do presidente americano Joe Biden reforçou a aliança entre Estados Unidos e Israel e declarou apoio ao exército israelense contra as ameaças vindas do Irã. Após o ataque, Biden convocou uma reunião com os conselheiros de segurança para discutir a crise. A União Europeia afirmou que “condena firmemente o inaceitável ataque iraniano contra Israel” e reforçou os perigos de uma “escalada sem precedentes” como “ameaça para a segurança regional”.

O primeiro-ministro britânico, Rishi Sunak, também se posicionou contra o ataque e chamou a ação de “imprudente”. “Estes ataques arriscam inflamar as tensões e desestabilizar a região”, disse. Justin Trudeau, primeiro-ministro do Canadá, afirmou apoiar o direito de Israel de se defender e disse que o Irã demonstra “desrespeito pela paz e estabilidade na região”.

Alemanha, França, México, Dinamarca, Noruega entre outros países Ocidentais também condenaram o ataque. Em nota, o Itamaraty recomenda que brasileiros não façam viagens não essenciais à região e “conclama a comunidade internacional a mobilizar esforços no sentido de evitar uma escalada”.

ENTENDA

O governo de Israel informou no sábado, 13, que mais de cem drones iranianos foram lançados contra o país horas depois de as Forças de Teerã anunciarem a apreensão de um navio supostamente ligado a Israel. Segundo o Irã, o ataque anunciado seria um ato de “legítima defesa” em resposta à investida contra seu consulado em Damasco, na Síria, ocorrido no início de abril — que matou um comandante e outros seis oficiais da Guarda Revolucionária Iraniana. Israel nega a autoria do atentado.

Continua após a publicidade

No domingo, 14, o exército israelense afirmou que os drones iranianos foram principalmente direcionados contra a base aérea Nevatim, mas que o resultado foi um dano minimo à estrutura do local, que continua em atividade. Entre civis, apenas uma garota ficou ferida. Mais de 99% dos estimados 120 drones e mísseis lançados pelo Irã foram interceptados no ar.

A ofensiva iraniana afirma que o ataque pode ser considerado concluído e que não há a intenção de outro embate, contanto que Israel não volte a retaliar, muito menos que haja envolvimento dos Estados Unidos na região. Segundo as Forças Armadas israelenses, o país tem planos traçados e está analisando as opções. “Estamos prontos para fazer o que for necessário para defender Israel”, disse um porta-voz do exército. O incidente ocorre em meio a uma escalada de tensão na região que teve início com os ataques israelenses em Gaza, em outubro de 2023.

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.