Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Cientistas alertam para colapso acelerado do Ártico

A três dias para o início da Cúpula do Clima, cientistas lançam alerta sobre catástrofe sem precedentes

Por Ernesto Neves Atualizado em 28 out 2021, 18h45 - Publicado em 28 out 2021, 18h30

A três dias do início da Cúpula do Clima de Glasgow, na Escócia, cientistas do centro de estudos climáticos Woodwell Climate Research Center, nos Estados Unidos, emitiram alerta de que o solo do Ártico está “literalmente entrando em colapso” graças a à escalada nos termômetros da região. 

Responsável por cobrir um quarto da superfície terrestre do Hemisfério Norte, o permafrost, solo que permanece congelado ao longo do ano, vem sofrendo danos irreversíveis graças a ondas de calor inéditas na Sibéria, na Rússia, na Escandinávia e no norte do Canadá.

Latitudes mais ao norte estão aquecendo a mais de duas vezes a taxa da média global devido à rápida perda de gelo marinho, substituindo uma superfície branca capaz de refletir a luz do sol pelo azul-escuro altamente absorvente do mar.

Como consequência, o Ártico já aqueceu mais de 2ºC acima de sua média pré-industrial, com temperaturas que tendem a aumentar ainda mais.

Os cientistas alertaram para a velocidade com que o clima vem mudando na área polar. Temperaturas de 30ºC, dignas dos trópicos, estão sendo observadas cerca de 70 anos do que indicavam as  projeções.

Continua após a publicidade

O degelo do permafrost também pode acelerar o problema. Esse solo retém 1,6 trilhão de toneladas de carbono orgânico, quase o dobro do encontrado atualmente na atmosfera terrestre.

Ao derreter, o solo passa a concentrar condições ideais à proliferação de micróbios que produzem dióxido de carbono ou metano enquanto se alimentam da matéria orgânica em decomposição. 

À medida que as temperaturas aumentam, os depósitos congelados de metano natural e outros hidrocarbonetos dentro do permafrost também se transformam em gás, que pode ser liberado por meio de rachaduras. Esse material poluente acaba indo parar na atmosfera. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.