Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Retrospectiva: as revelações do esporte em 2017

Conheça os rostos que brilharam este ano no futebol brasileiro e mundial, além do atletismo, natação e tênis

Em destaque no ano, o jovem jogador do Flamengo, que antes de estrear já valia milhões, e a talentosa tenista brasileira Bia Haddad.

Vinícius Júnior – Flamengo

AINDA UMA PROMESSA - O atacante poderá ficar outros dois anos no Flamengo Com apenas 16 anos, Vinícius Júnior já está negociado pelo Flamengo com o Real Madrid

Com apenas 16 anos, Vinícius Júnior já está negociado pelo Flamengo com o Real Madrid (André Fabiano/Agência o Globo)

Com apenas 16 anos, sem ter estreado ainda pelo time principal do Flamengo, o jovem atacante foi negociado em maio com o Real Madrid por 45 milhões de euros (175,3 milhões de reais). O time carioca poderá ficar com o jogador até 2019, podendo receber ainda mais uma bolada se os espanhóis quiserem levá-lo mais cedo. Enquanto isso, ele tenta mostrar em campo que justifica todo o dinheiro investido.

Fábio Carille – Corinthians

Fábio Carille O treinador do Corinthians Fábio Carille durante entrevista no CT Joaquim Grava

O treinador do Corinthians Fábio Carille durante entrevista no CT Joaquim Grava (Heitor Feitosa/VEJA.com)

O técnico Fábio Carille alcançou na temporada de 2017 um feito considerável: deixou para trás a condição de interino para se transformar em um dos responsáveis pela excelente temporada do Corinthians, que conquistou os títulos dos Campeonatos Paulista e Brasileiro. Discípulo de dois treinadores que prezam pelos bons sistemas defensivos (Tite e Mano Menezes), montou uma equipe sem estrelas e extremamente eficiente. Os resultados comprovam que a aposta em Carille foi correta.

Mbappé – Paris Saint-Germain

Kylian Mbappe comemora gol pelo Paris Saint-Germain, durante partida do Campeonato Francês,

Kylian Mbappe comemora gol pelo Paris Saint-Germain, durante partida do Campeonato Francês, (Catherine Ivill/Getty Images)

O atacante francês Kylian Mbappé já havia dado uma amostra de seu potencial em 2016, marcandoimportantes gols pelo Monaco no Campeonato Francês e na Liga dos Campeões. Mas sua chegada ao Paris Saint-Germain nesta temporada, por empréstimo, o consolidou como uma das grandes revelações do futebol mundial, com preço do passe estipulado em 90 milhões de euros (350,6 milhões de reais).

Leroy Sané – Manchester City

O jogador da Alemanha Leroy Sané O meia alemão Leroy Sané vem brilhando também com a camisa do Manchester City

O meia alemão Leroy Sané vem brilhando também com a camisa do Manchester City (Alexander Hassenstein/Bongarts/Getty Images)

O atacante alemão Leroy Sané, de 21 anos, chegou ao Manchester City em agosto do ano passado, mas passou a ser considerado peça-chave no time de Pep Guardiola nesta temporada, sendo escalado como titular em praticamente todas as partidas da Premier League.

Donnarumma – Milan

Goleiro do Milan, Gianluigi Donnarumma, beija a camisa durante partida contra o Juventus, em Turin, Itália Goleiro do Milan, Gianluigi Donnarumma, beija a camisa durante partida contra a Juventus

Goleiro do Milan, Gianluigi Donnarumma, beija a camisa durante partida contra a Juventus (Emilio Andreoli/Getty Images)

O jovem goleiro Donnarumma, de apenas 18 anos, é apontado como o principal candidato à sucessão do ídolo Buffon na seleção da Itália. Formado nas categorias de base do Milan, tornou-se titular absoluto da equipe nesta temporada.

Caeleb Dressel – natação

Caeleb Dressel Caeleb Dressel ganhou sete medalhas de ouro no Mundial de Esportes Aquáticos na Hungria

Caeleb Dressel ganhou sete medalhas de ouro no Mundial de Esportes Aquáticos na Hungria (Adam Pretty/Getty Images)

Aos 21 anos, o nadador americano Caeleb Dressel foi o principal destaque individual do Mundial de Esportes Aquáticos, este ano em Budapeste. Em seu primeiro mundial sênior, colecionou marcas impressionantes. Igualou, por exemplo, o genial Michael Phelps em número de medalhas de ouro numa mesma competição (sete), além de ter sido o primeiro nadador da história a ganhar três finais no mesmo dia (50m livre, 100m borboleta e 4x100m medley misto).

Dele Alli – Tottenham

Dele Alli, do Tottenham, comemora seu gol contra o Real Madrid, pela Liga dos Campeões, em Londres

Dele Alli, do Tottenham, comemora seu gol contra o Real Madrid, pela Liga dos Campeões, em Londres (Paul Childs/Reuters)

Uma das grandes revelações do futebol inglês, o meia Dale Alli, de 21 anos, é considerado uma das grandes promessas do futebol europeu. Titular absoluto do Tottenham, tem valor de mercado estimado em 60 milhões de euros, de acordo com o site especializado Transfermarkt.

David Neres – Ajax

David Neres comemora gol pelo Ajax no Campeonato Holandês, em Amsterdã

David Neres comemora gol pelo Ajax no Campeonato Holandês, em Amsterdã (Dean Mouhtaropoulos/Getty Images)

O ano mal tinha começado e o atacante David Neres, então com 19 anos, viu sua vida mudar completamente, ao ser negociado pelo São Paulo com o Ajax, da Holanda, por 50 milhões de reais (15 milhões de euros, em valores da época). Foi a quarta negociação mais cara da história do São Paulo. Além de encher os cofres do antigo clube, David Neres também vem alegrando os torcedores do Ajax, com belos gols e assistências.

Christian Coleman – atletismo 

O americano Christian Coleman exibe a bandeira americana para festejar a medalha de prata na final dos 100 metros do Campeonato Mundial de atletismo, em Londres

O americano Christian Coleman exibe a bandeira americana para festejar a medalha de prata na final dos 100 metros do Campeonato Mundial de atletismo, em Londres (Matthias Hangst/Getty Images)

Christian Coleman foi um dos responsáveis em frustrar a despedida do jamaicano Usain Bolt com uma nova medalha de ouro no Mundial de atletismo, em Londres, no mês de agosto. O velocista de 21 anos, nascido em Atlanta, na Geórgia, mostrou suas credenciais já na semifinal dos 100 metros, quando deixou Bolt para trás. Na final, ele voltou a derrotar o jamaicano e só ficou atrás do compatriota Justin Gatlin, o grande campeão.

Bia Haddad – tênis 

Em 2017, Bia entrou entre as 100 melhores do mundo no ranking da WTA

Em 2017, Bia entrou entre as 100 melhores do mundo no ranking da WTA (Julian Finney/Getty Images)

A brasileira Bia Haddad entrou em 2017 para a história do tênis feminino do país. Com 21 anos, e ótimas participações em importantes torneios, como Roland Garros e Wimbledon, ela tornou-se em 2017 a oitava tenista brasileira a chegar ao top 100 da WTA (Associação Feminina de Tênis), tendo alcançado a 58ª posição em 25 de setembro.