Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Alexandre Pato posta — e deleta — apoio ao negacionismo de Djokovic

Atacante do Orlando City chegou a chamar a Covid-19 de "peste chinesa" e a vacina de "picada experimental"

Por Da Redação Atualizado em 18 jan 2022, 13h45 - Publicado em 18 jan 2022, 13h35

O jogador Alexandre Pato, hoje no Orlando City, chamou atenção por mais uma ação fora dos campos. Em publicação nos ‘stories’ do Instagram — apagada pouco depois — o atacante defendeu o tenista Novak Djokovic, proibido de disputar o Australian Open por não se vacinar contra a Covid-19. Na postagem, esbanjou negacionismo, chamando o imunizante de “picada experimental”, e também xenofobia, ao se referir ao coronavírus como “peste chinesa”.

Pato se referiu a Djokovic como uma lenda do esporte e um herói a ser seguido no “movimento de resistência contra o totalitarismo”. Com o intuito de exaltar o tenista, também listou ações solidárias do sérvio.

Apesar do discurso antivacina, o jogador de futebol publicou foto recebendo a primeira dose do imunizante, nos Estados Unidos, dia 5 de abril de 2021, aproximadamente quatro meses antes dos brasileiros na mesma faixa etária poderem receber a vacina. A MLS, liga norte-americana de futebol em que Alexandre atua, demonstra baixa tolerância com não-vacinados e já divulgou que mais de 95% dos atletas receberam as doses contra a doença.

Todos os imunizantes contra a Covid-19 aprovados no Brasil passaram pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e são eficazes contra o vírus e seguros à saúde. Atualmente, o Brasil registra mais uma alta de casos da doença, mas sem muitas mortes, tendo em vista que quase 70% da população já está completamente imunizada.

O Brasil registrou 74.134 casos de Covid-19 na última segunda-feira, 17, com 121 mortes nas últimas 24 horas, segundo levantamento feito pela revista VEJA. Ao todo, mais de 620.000 pessoas morreram no país em decorrência da Covid-19.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês