Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Museu infantil remove itens de Michael Jackson após denúncias de abuso

Um chapéus, luvas e um pôster do cantor foram retirados de exibição na instituição

O Children’s Museum of Indianapolis (museu infantil de Indianapolis), nos Estados Unidos, retirou três itens de Michael Jackson de exibição após o lançamento do documentário Deixando Neverland, que renova as denúncias contra o cantor de abuso sexual de crianças.

Segundo o jornal The Indianapolis Star, foram removidos um chapéu e luvas que Jackson usava em shows, além de um pôster do cantor. O diretor de coleções do museu, Chris Carron, afirmou que quer manter apenas itens que contam histórias de “pessoas de caráter”.

Maior museu infantil do mundo, a instituição foi fundada em 1925. Traz itens como Barbies clássicas, fósseis de dinossauros e armaduras de samurais, por exemplo.

Deixando Neverland traz o relato de dois homens que acusam Jackson de abuso sexual. Eles afirmam que o cantor os atraiu com promessas e os afastou de suas famílias. O documentário repercutiu mundialmente – algumas rádios, inclusive, deixaram de tocar músicas do cantor. No Brasil, a produção, dividida em duas partes, será exibida na HBO neste sábado e domingo.