Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

CCBB recebe exposição com peças resgatadas do Museu Nacional

Meteorito Santa Luzia, que caiu em Goiás em 1922, e esculturas do Egito Antigo serão algumas das peças exibidas

O Museu Nacional do Rio de Janeiro apresentou nesta segunda-feira uma exposição com itens que foram resgatados após o incêndio que o atingiu em setembro do ano passado, destruindo grande parte da sua coleção. A exposição será aberta ao público na quarta-feira 27 na sede do Centro Cultural do Banco do Brasil do Rio e inclui 180 peças – das quais 103 foram resgatadas das cinzas.

Segundo a chefe da equipe de resgate do museu, Claudia Carvalho, em algumas das peças que formam a exposição há fraturas ou sinais que mostram a transformação que sofreram após o incêndio.

A mostra está dividida em oito partes – antropologia, arqueologia, vertebrados, invertebrados, etnologia, entomologia, geologia e paleontologia. Será possível ver, por exemplo, o Meteorito Santa Luzia, que caiu em Luziânia, Goiás, em 1922, o crânio de um jacaré-açu, as coleções de decoração de D. Pedro II e da Imperatriz Teresa Cristina e esculturas do Egito Antigo.

Além disso, poderá ser vista uma réplica em papier maché feita por um estudante do ensino fundamental do trono de Daomé, que foi perdido no fogo, e um conjunto de amostras de plantas das coleções de D. João VI, D. Pedro I, Dom Pedro II, da Imperatriz Teresa Cristina e da Princesa Isabel.

(Com EFE)