Clique e assine a partir de 9,90/mês

Com ajuda dos Beatles, Arabelle ensina inglês e cidadania em Jundiaí

Com projeto que une música a aspectos sociais, professora paulista foi uma das vencedoras do Prêmio Educador Nota 10

Por Luiz Felipe Castro - Atualizado em 28 Sep 2019, 18h19 - Publicado em 27 Sep 2019, 12h40

Arabelle Calciolari é professora de língua estrangeira da EMEB Maria Angélica Lorenço, em Jundiaí (SP) e uma das vencedoras do Prêmio Educador Nota 10 de 2019. Fã de música e história, ela encontrou uma forma criativa de ensinar não apenas um novo idioma, inglês, mas também contribuir com a formação social e cultural de seus alunos do quarto ano. Para isso, contou com a colaboração de John Lennon, Paul McCartney, Ringo Starr e George Harrisson.

“Minha escola fica em uma área rural, recebemos também alunos da periferia. Nas primeiras conversas, notei que os conceitos culturais destas crianças eram bem limitados, e acredito que o papel do professor é ir além da matéria em si. Com as músicas dos Beatles, mostro a eles o contexto social e histórico da época”, contou Arabelle, de 35 anos.

Utilizando oito canções do célebre quarteto de Liverpool, a professora do interior paulista apresenta temas como racismo e guerra do Vietnã e convida os estudantes a refletir as mudanças culturais ocorridas da década de 60 para cá. “Vi alunos emocionados ao término de vídeos, interessados em entender o que foi a segregação racial e com vontade de conhecer mais sobre as músicas e as conquistas dos Beatles.”

Com o projeto “Os Beatles – seu tempo e sua história”, Arabelle conquistou um lugar entre os dez melhores professores do ano pelo Prêmio Educador Nota 10, promovido pelas fundações Victor Civita e Roberto Marinho. Ela agora tem a chance de ser vencedora do título Educador do Ano na cerimônia que acontece no dia 30 de setembro, em São Paulo.

Publicidade