Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Repórter policial Gil Gomes morre aos 78 anos

Jornalista, que sofria de câncer, passou mal em casa e chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu

Por Redação
Atualizado em 16 out 2018, 15h38 - Publicado em 16 out 2018, 10h38

O repórter policial Gil Gomes morreu nesta terça-feira, 16, aos 78 anos. Ele passou mal em sua casa, no bairro Jardim da Saúde, Zona Sul de São Paulo, na noite desta segunda, 15. O jornalista chegou ao pronto-socorro do Hospital São Paulo, mas não resistiu e morreu na madrugada, vítima de complicações de um câncer — segundo informou a assessoria de imprensa da instituição.

Famoso por suas crônicas policiais, Gil Gomes iniciou a carreira na extinta Rádio Marconi, na década de 60. Os gestos, a voz e o visual do jornalista foram características que o marcaram como o repórter policial do jornal diário Aqui Agora, exibido pelo SBT entre 1991 e 1997. “Sempre gostei de roupas de cores fortes e estampadas por causa da alegria que elas passam”, comentou Gomes, em 2011.

Na entrevista, dada ao jornal O Estado de São Paulo, Gil Gomes rememorou com saudosismo os tempos de televisão, em que diz ter trabalhado com “a seleção brasileira de repórteres”. Da equipe do programa, destacam-se os jornalistas César Tralli e Sônia Abrão. “Quando eu falei do PCC pela primeira vez, chamaram de jornalismo lixo. O que eu falava naquela época está acontecendo agora”, disse.

Em 2005, Gomes foi diagnosticado com Parkinson, e se afastou da televisão para tratar da doença. Em 2017, doze anos depois, o jornalista aceitou trabalhar como comentarista de um telejornal de fim de madrugada da TV Ultrafarma, grade de programação patrocinada por uma rede de farmácias nos canais abertos RedeTV! e Gazeta.

Continua após a publicidade

Gomes era casado com Eliana Izzo, sua segunda mulher, a tinha quatro filhos: Daniel e Vilma, fruto de seu casamento anterior, com Ana Vitória Vieira Monteiro, e Flávia e Nathalie, do relacionamento atual. Ele deixa também quatro netos.

(com Estadão Conteúdo)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.