Clique e assine com até 92% de desconto

Madonna revela comportamento impróprio de Weinstein: ‘Passou dos limites’

Cantora contou que, quando trabalhou com o produtor, ele flertou 'de maneira muito sexual e direta'

Por Redação Atualizado em 6 jun 2019, 14h16 - Publicado em 6 jun 2019, 13h59

Madonna contou que o produtor Harvey Weinstein manteve comportamento inapropriado com ela quando eles trabalharam juntos no documentário Madonna: Truth or Dare (1991), distribuído pela Miramax, empresa do americano. Weinstein vem sendo acusado por dezenas de mulheres de assédio, abuso sexual e estupro desde outubro de 2017.

Em entrevista ao jornal The New York Times para promover seu novo disco, Madame X, que será lançado em 14 de junho, a cantora afirmou que Weinstein “passou dos limites” e “flertou de maneira muito sexual e direta quando trabalhamos juntos. Ele era casado na época, e eu certamente não estava interessada (em ter algo com ele)“.

  • Madonna contou que sabia que ele agia da mesma forma com outras mulheres. “Pensávamos: ‘Harvey faz isso porque ele é poderoso e bem-sucedido e seus filmes vão tão bem e todos querem trabalhar com ele, então temos que aguentar’.”

    Na época das denúncias contra Weinstein, Madonna chegou a dizer que “nunca torceria pela desgraça de alguém”, mas que acha bom que uma pessoa que estava “abusando de seu poder por tantos” anos havia sido finalmente responsabilizada.

    Madonna e Harvey Weinstein durante exibição do filme ‘Hear My Song’ em 1991 Jim Smeal/WireImage/Getty Images
    Continua após a publicidade
    Publicidade