Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Globo anuncia expulsão de Marcos do ‘BBB 17’

Médico foi eliminado por infringir as regras do reality show ao tratar de forma agressiva a sua namorada, Emilly

Por Da redação Atualizado em 11 abr 2017, 12h20 - Publicado em 10 abr 2017, 22h26

A Globo anunciou na noite desta segunda-feira que o médico Marcos está fora do BBB 17. O participante foi eliminado por infringir as regras do reality show ao tratar Emilly, sua namorada no confinamento, de forma agressiva. “A decisão foi tomada, o Marcos está expulso do BBB 17”, informou o apresentador Tiago Leifert logo no início do programa.

O apresentador afirmou que os especialistas da Delegacia da Mulher do Rio de Janeiro que visitaram o Projac nesta segunda para investigar o caso constataram indícios de agressão física – e não apenas verbal – de Marcos contra Emilly. E como as regras do jogo determinam que agressão deve ser punida com expulsão, prosseguiu Leifert, Marcos foi eliminado.

Durante uma discussão do casal na madrugada de domingo, Marcos encurralou Emilly contra a parede, gritou, colocou o dedo em riste no rosto dela e apertou seu pulso e cotovelo. A gaúcha posteriormente reclamou de dor.

“A delegada nos solicitou as imagens das discussões entre o Marcos e a Emily. A delegada instaurou um inquérito para apurar uma possível agressão física. Com base nesse inquérito, tivemos uma nova e profunda conversa com a Emilly, inclusive com exame médico”, disse Leifert. “Ficaram comprovados indícios de agressão física. No BBB, agressão gera expulsão.”

Continua após a publicidade

Marcos foi comunicado de sua expulsão no confessionário e não voltou mais para a casa. A emissora não mostrou imagens do momento em que o participante foi informado. Já os outros confinados só ficaram sabendo da decisão ao serem informados ao vivo por Leifert durante o programa. Emilly chorou muito, e foi consolada por Vivian e Ieda.

Globo

“Desde que tudo aconteceu, a Globo agiu firmemente” em busca de uma decisão justa, afirmou o apresentador ao comunicar a expulsão ao público. Muitos criticaram a emissora por não ter expulsado Marcos já no domingo, após a briga do médico com Emilly. No programa que foi ao ar naquela noite, a Globo se limitou a declarar que estava “preocupada” com a situação. Marcos venceu o paredão contra a paratleta Marinalva, que saiu com 77% dos votos.

Durante toda a segunda-feira, internautas cobraram nas redes sociais a expulsão do médico com base em seu comportamento com Emilly. A campanha ganhou o apoio de atrizes da Globo, como Fernanda Lima e Camila Pitanga, que postaram um texto repudiando a conduta do médico. “É preciso que fique claro aqui que as atitudes de Marcos Harter são de truculência e violência, principalmente psicológica, contra Emilly Araújo”, escreveram.

Durante a tarde desta segunda, representantes da Divisão de Polícia de Atendimento a Mulher (DPAM) do Rio de Janeiro foram ao Projac para investigar a conduta agressiva do participante.

 

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês