Clique e assine a partir de 8,90/mês

Diretor se desentende com Ryan Reynolds e abandona ‘Deadpool 2’

Tim Miller alegou enfrentar "diferenças criativas" com o protagonista da franquia

Por Da redação - Atualizado em 24 out 2016, 10h08 - Publicado em 24 out 2016, 10h01

O diretor Tim Miller deixou o comando da sequência de Deadpool, alegando diferenças criativas em relação ao astro da franquia, Ryan Reynolds, de acordo com o site americano Deadline. O cineasta ainda não havia assinado o contrato de direção do longa, mas era dado como certo no posto, pois já estava desenvolvendo o roteiro da produção. Os outros roteiristas, Rhett Reese e Paul Wernick, continuam no projeto.

LEIA TAMBÉM:
Ryan Reynolds fala sobre sexualidade de Deadpool: ‘Um namorado seria ótimo’
‘Deadpool’: finalmente um bom filme de super-herói para adultos
‘Deadpool’ bate recorde de bilheteria nos Estados Unidos

Apesar das diferenças, a FOX disse que a saída de Miller foi amigável, e que ele irá desenvolver outro projeto do estúdio: a adaptação do livro de ficção científica Influx, que deve se desdobrar em uma trilogia nos cinemas.

Além de atuar no primeiro filme, Ryan Reynolds foi um dos produtores de Deadpool, papel que ele interpretou pela primeira vez em X-Men Origens: Wolverine (2009). A participação foi tão criticada que foi completamente ignorada na linha do tempo do filme solo.

Deadpool chegou aos cinemas em fevereiro de 2016, e arrecadou mais de 780 milhões de dólares no mundo todo. O filme também conquistou os críticos e os fãs dos quadrinhos, com um humor sem pudor nenhum. A sequência deve chegar aos cinemas no primeiro trimestre de 2018.

Continua após a publicidade
Publicidade