Clique e assine a partir de 9,90/mês

Atriz de ‘Namorada de Aluguel’ morreu de overdose

Amanda Peterson tinha 43 anos e foi encontrada morta em sua casa

Por Da Redação - 3 set 2015, 10h56

Amanda Peterson, conhecida pela comédia romântica Namorada de Aluguel (1987), morreu de overdose causada pela ingestão de uma combinação de drogas, informou o site TMZ. A atriz de apenas 43 anos foi encontrada morta no dia 5 de julho sozinha em sua casa. Segundo o laudo toxicológico, ela tomou diversos medicamentos, como benzodiazepínicos (base de ansiolíticos como Rivotril e Lexotam), opiáceos (subtância derivada do ópio) e fenotiazínicos (sedativo), além do uso de maconha.

Leia também:

Encontrada morta a atriz de ‘Namorada de Aluguel’

Por que a overdose de álcool pode ser fatal

Continua após a publicidade

Mortes por overdose de analgésicos triplicam em 10 anos nos EUA

O site destaca que um dos medicamentos usado por ela, chamado Gabapentina, foi encontrado em seu corpo em uma dosagem seis vezes maior que o indicado. A investigação também descobriu que a atriz vinha se automedicando para controlar uma dor crônica, doença que a levou a ingerir morfina uma semana antes de ser encontrada morta. O laudo atesta que a causa da morte foi uma insuficiência respiratória causada pelas drogas.

Amanda Peterson tinha apenas 16 anos à época de Namorada de Aluguel, quando contracenou com um jovem Patrick Dempsey. No longa, ela faz uma menina popular na escola que aceita se passar por namorada do nerd vivido por Dempsey pelo “cachê” de 1.000 dólares. A partir daí, os dois acabam se envolvendo. Ela se afastou da indústria do entretenimento em 1994 e passou a viver no Colorado. Foi casada por duas vezes e teve dois filhos. Segundo o pai da atriz, Amanda sofria de apneia do sono e enfrentou uma série de problemas respiratórios.

Publicidade