Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

VEJA Gente Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Valmir Moratelli
Notícias sobre as pessoas mais influentes do mundo do entretenimento, das artes e dos negócios
Continua após publicidade

A explicação de pai de santo para nudez de Anitta em clipe

Pai Thalles d’Oxoguian, do candomblé, fala sobre o ritual exibido por cantora

Por Giovanna Fraguito Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO 15 Maio 2024, 10h00

Em novo clipe, da música Aceita, em dado momento Anitta surge nua, recebendo um banho de uma mãe de santo. Depois de sua divulgação, nesta terça-feira, 14, a cantora disse que perdeu milhares de seguidores, possivelmente como reflexo da intolerância religiosa no país. A convite da coluna GENTE, pai Thalles d’Oxoguian, 34 anos, líder de candomblé no terreiro Ilê Ni Oxoguian, de Vaz Lobo, no subúrbio carioca, explica o ritual mostrado por Anitta em seu novo trabalho:

“Para nós do Candomblé, o corpo em si é sagrado, assim como a cabeça, que também deve ser cuidada. Dentro da cultura cristã ocidental, existe um tabu em relação ao corpo, como se devesse ser escondido, sendo apenas associado à parte profana e à sexualidade. Durante o ritual, o sagrado está presente, e não há julgamento em relação ao corpo despido. No Candomblé, ninguém se autoinicia; precisamos de alguém mais experiente para nos conceder o axé e realizar o ritual. Apenas aqueles que já receberam podem conceder, essa é a regra do Candomblé. Se você já recebeu um banho ritualístico de um mais velho, então está apto para passar esse banho para outros. Independentemente se aquele que está recebendo o banho tem pouco ou muito tempo de santo, é considerado como um bebê, pois é um momento de desconexão do mundo, em que nos permitimos ser cuidados”.

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.