Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Sergio Moro ganhou dinheiro ao deixar consultoria dos EUA? Ele responde

Ex-juiz da Lava-Jato está tranquilo em relação ao avanço do TCU contra os seus rendimentos na iniciativa privada

Por Robson Bonin Atualizado em 6 jan 2022, 15h51 - Publicado em 7 jan 2022, 07h10

Na primeira edição de VEJA em 2022, que começou a circular nesta sexta, o Radar mostra que o TCU já tem um plano para seguir no pé de Sergio Moro por causa de seus rendimentos como consultor.

O ex-juiz e pré-candidato do Podemos ao Planalto está tranquilo sobre isso. Diz que não exibiu valores do seu contrato ainda para não dar cartaz ao TCU. Afinal, a relação de Moro com a Alvarez & Marsal é privada e, na visão do ex-juiz, distante da alçada do tribunal.

Sobre a acusação de que teria recebido vultosos valores ao romper a parceria com a consultoria, Moro diz que o tribunal pode procurar, mas não encontrará nada emocionante: ele não levou um tostão furado ao romper o contrato.

Publicidade