Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

O aumento na venda de produtos para bebês e crianças nos últimos 12 meses

InterPlayers credita alta da procura ao home office e à maior competitividade entre concorrentes

Por Gustavo Maia Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
27 Maio 2022, 17h30

As vendas de produtos para bebês e crianças tiveram alta de 12% — em média, ao mês — nas farmácias brasileiras ao longo do último ano, mostra levantamento da InterPlayers, empresa de negócios da saúde e bem-estar.

A pesquisa levou em consideração o período entre março de 2021 e fevereiro de 2022 em comparação com os doze meses anteriores.

Líder de vendas no Brasil, São Paulo foi o estado que mais contribuiu para o desempenho anual positivo, com aumento de 46% nas vendas. Apesar de menos populoso, Goiás também teve resultados positivos, com crescimento de 359%. Já Minas Gerais foi o estado com o pior desempenho, com queda de 51%.

“Houve melhora significativa da economia entre 2021 e 2022, em comparação com o período anterior. O home office também possibilitou que os pais passassem mais tempo com os filhos, levando-os a gastarem mais com produtos relacionados a cuidados infantis. Além disso, farmácias e drogarias estão cada vez mais competitivas para produtos que anos atrás eram prioritariamente comprados em outros canais, como supermercados”, diz Ilo Souza, gerente de inteligência comercial da InterPlayers.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.