Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Efeito pandemia: inventários e testamentos crescem 166,8% no Rio

Maior cartório de notas do estado registrou alta procura por documentos que garantam transferência de bens

Por Mariana Muniz Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 19 abr 2021, 16h17 - Publicado em 19 abr 2021, 14h30

A pandemia da Covid-19 fez com que o brasileiro acordasse para um tema normalmente postergado ou evitado: a realização de documentos que garantam a transferência dos bens.

Na comparação entre o primeiro trimestre de 2020 e o mesmo período deste ano, a quantidade de inventários e de testamentos registrados nas duas unidades do 15º Ofício de Notas do Rio de Janeiro, maior cartório de notas do estado, cresceu 166,8%.

Em janeiro, fevereiro e março do ano passado, foram realizados 166 atos de transferência de bens contra 443 nos três primeiros meses de 2021. Uma mudança de hábito que incluiu, até mesmo, documentos assinados por pessoas mais jovens, na faixa dos 30 e 40 anos de idade.

— A pandemia mostrou que o debate sobre o planejamento sucessório é necessário. Precisamos pensar no futuro e nas pessoas que amamos e, para isso, temos instrumentos jurídicos adequados – afirma Fernanda Leitão, tabeliã do 15º Ofício de Notas.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.