Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Com a oposição

Parte da base aliada atuou para aprovar, na sessão de ontem do Senado, a emenda do tucano Cícero Lucena destinando 18% da receita líquida para a saúde, como se sabe. Nessa turma tinha que ter um peemedebista: Waldemir Moka trabalhou ativamente pela proposta da oposição, cujo teor causa calafrios no Palácio do Planalto. Em dado […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 05h02 - Publicado em 7 nov 2013, 12h36
Trabalhando pela emenda que o governo não quer

Trabalhando pela emenda que o governo não quer

Parte da base aliada atuou para aprovar, na sessão de ontem do Senado, a emenda do tucano Cícero Lucena destinando 18% da receita líquida para a saúde, como se sabe. Nessa turma tinha que ter um peemedebista: Waldemir Moka trabalhou ativamente pela proposta da oposição, cujo teor causa calafrios no Palácio do Planalto.

Em dado momento, Moka chegou a se reunir no cafezinho com Lucena e discutir a melhor estratégia para aprová-la. Orientou Moka, a respeito do quorum necessário para o sucesso da empreitada oposicionista:

– Agora, nós é que temos que colocar 49 senadores no plenário. Não pode ter menos do que isso.

Continua após a publicidade

Resultado: o Senado aprovou o requerimento para votar a emenda, o que deverá acontecer na semana que vem.

Eduardo Braga, claro, sabe exatamente quem figura na lista de parlamentares da base aliada que trabalharam contra o desejo de Dilma Rousseff.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.