Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Cepisa, da Eletrobras, quer reajuste extraordinário de tarifas

  Mais uma empresa do grupo Eletrobras está em situação de calamidade financeira. A Cepisa, responsável pela distribuição de energia em todo o Estado do Piauí, quer um reajuste extraordinário de tarifas. E com urgência, em até 30 dias. Sem isso, alega, não terá como arcar com uma dívida de quase 100 milhões de reais com […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 22h39 - Publicado em 24 Maio 2016, 18h28

 

Vai mal...

Vai mal…

Mais uma empresa do grupo Eletrobras está em situação de calamidade financeira. A Cepisa, responsável pela distribuição de energia em todo o Estado do Piauí, quer um reajuste extraordinário de tarifas. E com urgência, em até 30 dias.

Sem isso, alega, não terá como arcar com uma dívida de quase 100 milhões de reais com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), onde ocorrem os acertos de contas entre os agentes do setor elétrico.

Continua após a publicidade

A empresa pede uma medida cautelar para suspender os pagamentos até que o reajuste extraordinário seja aprovado. A inadimplência junto ao órgão gera uma série de problemas, suspendendo inclusive o repasse de valores e subsídios administrados pela própria Eletrobras.

Em pedido feito à Aneel, a Cepisa afirma que tem amargando prejuízos desde 2013, quando, por conta da seca, teve de recorrer ao mercado de curto prazo de energia, a valores elevados, para garantir o abastecimento dos clientes. O cenário se agravou com o aumento da inadimplência pelos clientes e dos “gatos”.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.