Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Reinauguração de base brasileira na Antártica é adiada

Condições meteorológicas impediram chegada das autoridades brasileiras ao local; cerimônia foi remarcada para quarta-feira

Por Jennifer Ann Thomas - Atualizado em 14 jan 2020, 09h51 - Publicado em 14 jan 2020, 09h00

A reinauguração da Estação Antártica Comandante Ferraz, prevista para esta terça-feira, 14, foi adiada para amanhã devido à dificuldade para o pouso da aeronave Hércules C-130, da Força Aérea Brasileira, confirmou a equipe de comunicação social da Marinha. As autoridades brasileiras estão em Punta Arenas, no extremo sul do Chile.

O mau tempo atrapalhou a visibilidade na pista de pouso da base chilena, vizinha à brasileira, impossibilitando a aproximação para aterrissagem. Após o pouso, as autoridades chegariam de navio à base brasileira. Alguns quilômetros de distância são suficientes para mudar completamente as condições meteorológicas.

Até o momento, as autoridades, como o vice-presidente Hamilton Mourão, não conseguiram chegar à base brasileira. A aeronave tenta realizar o pouso há dois dias, sem sucesso. A nova base está localizada na Ilha de Rei George.

Publicidade