Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Nasa anuncia novas datas para Artemis, que levará humanos à Lua novamente

Primeira viagem, que estava agendada para este ano, ocorrerá em setembro de 2025; missão levará primeiro negro e primeira mulher ao satélite

Por Luiz Paulo Souza Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 9 jan 2024, 19h21 - Publicado em 9 jan 2024, 16h55

A Nasa, agência espacial americana, anunciou nesta terça-feira, 9, as novas datas para o lançamento das missões Artemis II e III, que levarão humanos de volta à Lua, mais de cinco décadas após o fim da Apollo. A primeira, que estava agendada para acontecer ainda este ano, foi reagendada para setembro de 2025, enquanto a segunda, que deve pousar no satélite, ficou marcada para um ano depois.

Sem dar muitos detalhes, o time explicou que o adiamento ocorre por motivos de segurança. De acordo com eles, engenheiros estão trabalhando para resolver um problema com o sistema de bateria e outro com o sistema de ventilação e controle de temperatura. Além disso, afirmaram que o tempo extra será útil para que as empresas parceiras – SpaceX, responsável pelo sistema de pouso, e BlueOrigin, responsável pelo traje espacial – consigam testar e aprimorar os equipamentos em desenvolvimento.

“Estamos retornando à Lua de uma forma que nunca fizemos antes, e a segurança de nossos astronautas é a principal prioridade da Nasa enquanto nos preparamos para futuras missões Artemis”, disse o administrador da agência espacial, Bill Nelson, em coletiva. “Aprendemos muito desde a Artemis I, e o sucesso destas primeiras missões depende das nossas parcerias comerciais e internacionais para aumentar o nosso alcance e compreensão do lugar da humanidade no nosso sistema solar. Artemis representa o que podemos realizar como nação – e como coligação global. Quando focamos o que é difícil, juntos podemos alcançar o que é ótimo.”

O anuncio foi feito no mesmo dia em que a Astrobotic, empresa participante do programa CLPS, que busca popularizar as missões espaciais privadas, anunciou o fracasso da missão Peregrine, que deveria pousar em fevereiro no satélite terrestre.

Continua após a publicidade

Do que se trata a missão?

A Artemis II levará os primeiros humanos de volta à Lua desde o fim da missão Apollo. Em 2026, quando a nave Orion for lançada, a bordo do Sistema de Lançamento Espacial desenvolvido especialmente para esse projeto, ela levará quatro tripulantes para dar uma volta no satélite e retornar à Terra.

Já a Artemis III tem um objetivo ainda mais ambicioso: não só levará os astronautas de volta às cercanias do satélite, mas pousará em solo lunar para a primeira caminhada humana em terreno extraterreste em mais de 50 anos, desta vez no polo sul.

O projeto não deve parar por aí. “Artemis é uma campanha de exploração de longo prazo para conduzir ciência na Lua com astronautas e se preparar para futuras missões humanas a Marte”, afirmou a administradora associada, Amit Kshatriya. “Isso significa que devemos acertar à medida que desenvolvemos e pilotamos nossos sistemas fundamentais para que possamos realizar essas missões com segurança.”

Continua após a publicidade

A Artemis IV, prevista para 2028, teve sua data mantida. Não tripulada, seu objetivo será colocar a Gateway, espécie de estação espacial lunar, na órbita do satélite.

Quem serão os tripulantes da Artemis?

No último ano, a Nasa anunciou quem serão os tripulantes da Artemis II. Em ato inédito, agência levará primeira mulher e primeiro homem negro à Lua:

  • Christina Koch é engenheira, participou de missões na Estação Espacial Internacional (ISS) e carrega o recorde de participar da viagem espacial mais longa comandada por uma mulher, com 328 dias no espaço. Será também a primeira mulher a ir à Lua.
  • Jeremy Hansen é o representante da agência espacial do Canadá e foi o primeiro canadense a liderar uma classe de astronautas da Nasa.
  • Victor Glover foi engenheiro da ISS e um dos pilotos da primeira missão da SpaceX para a estação. Será o primeiro astronauta negro a viajar à Lua.
  • Reid Wiseman é o comandante e também participou de missões na ISS, onde desenvolveu mais de 300 experimentos científicos.

Participantes da Artemis III ainda não foram anunciados.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.