Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Fim do mundo é remarcado para outubro, diz teoria conspiratória

Numerólogo que previu encontro catastrófico com o planeta Nibiru no último sábado diz que efeitos da chegada do astro poderão ser sentidos no próximo dia 15

Por Da redação
Atualizado em 27 set 2017, 22h05 - Publicado em 27 set 2017, 18h23

O numerólogo David Meade, famoso por suas teorias conspiratórias baseadas em relações numéricas de textos bíblicos, acaba de divulgar uma nova data para o fim do mundo: 15 de outubro de 2017. A previsão vem depois de o americano tentar emplacar a ideia de que um misterioso planeta chamado Nibiru, ou Planeta X, colidiria com a Terra no último sábado, extinguindo completamente a humanidade. Como aparentemente nenhum evento apocalíptico ocorreu no nosso planeta, Meade decidiu rever os cálculos e chegou à nova data. A teoria conspiratória é a mesma que ele tentou difundir em 2012 e que, na época, foi desmentida por um cientista da Nasa.

Em seu website, Meade explica que sua previsão original sobre o fim do mundo em 23 de setembro marcava, na verdade, o dia que deu início a uma série de eventos catastróficos que eventualmente levarão à morte da Terra. A “ação real” deve começar só no mês que vem.

“Não deve acontecer nada em setembro”, escreveu ele. “É possível que, no fim de outubro, estejamos prestes a entrar no período de tribulação de sete anos, para ser seguido por um milênio da paz.”

Continua após a publicidade

Em 2012, quando Meade tentou convencer a população de que o mundo acabaria em dezembro, o pesquisador David Morrison, do Instituto de Astrobiologia da Nasa, teve de publicar um vídeo em seu canal no YouTube desmentindo a história para acabar com os mais de vinte e-mails semanais que entravam em sua caixa perguntando sobre o Planeta X.

“Se o planeta estivesse tão perto, seria brilhante e facilmente visível a olho nu. Todos nós poderíamos vê-lo. Se Nibiru fosse real e se fosse um planeta com uma massa substancial, ele já perturbaria as órbitas de Marte e da Terra. Veríamos mudanças por causa desse objeto entrando no sistema solar interno”, afirmou na gravação.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.