Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Elefantes mantêm a temperatura por meio de rachaduras na pele

Pesquisa demonstrou que texturas milimétricas ajudam o animal a não ganhar ou perder calor facilmente

Por Sabrina Brito 2 out 2018, 19h20

Para os animais de hábitos terrestres, a regulação da temperatura corporal é um dos aspectos mais essenciais para a sobrevivência: em caso de desequilíbrio, podem sofrer de desidratação e hipotermia, entre outros males. Por isso, estudar os meios desse ajuste térmico é ponto-chave para a comunidade científica.

Um novo estudo publicado hoje na revista Nature Communications revelou que o elefante-africano tem um mecanismo curioso para manter sua temperatura ideal. Nos seres pertencentes a esse gênero, existem pequenos canais recobrindo a pele do animal. Essas rachaduras surgem na derme muito queratinizada do mamífero, que se forma em elevações e relevos milimétricos, originando pequenas fraturas quando o tecido se dobra.

A pesquisa, liderada por profissionais da Universidade de Genebra e do Instituto Suíço de Bioinformática, baseou-se na análise de amostras cedidas por cientistas e museus para se debruçar sobre o assunto. Os pequeninos canais ficam na parte mais externa da pele do elefante e retêm água e lama junto ao corpo. Assim, ajudam não só a regular o calor do organismo, mas também a protegê-lo contra o ataque de parasitas e contra a radiação solar excessiva. As rachaduras permitem que as moléculas de água se preservem por mais tempo, de cinco a dez vezes mais, do que seria em uma superfície lisa.

Esses mamíferos possuem o hábito de se banhar e chafurdar na lama com frequência, o que serve não só para diversão, como para manter a derme úmida e flexível. Esse costume compensa o fato de que elefantes não possuem glândulas sudoríparas e sebáceas suficientes para manter, de forma autônoma, a parte exterior do corpo saudável, ainda mais no habitat quente e seco em que eles vivem na África.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.