Clique e assine com até 92% de desconto

Cientistas encontram possível sinal de vida em Vênus

Pesquisadores identificaram no planeta uma grande quantidade de fosfina, substância produzida por micróbios na Terra

Por Sabrina Brito Atualizado em 14 set 2020, 12h59 - Publicado em 14 set 2020, 12h50

Pesquisadores da Europa e dos Estados Unidos afirmaram, nesta segunda-feira, ter encontrado possíveis sinais de vida em Vênus. O planeta, que é o mais próximo da Terra no Sistema Solar, possui uma superfície rochosa, nublada e muitíssimo quente, acima dos 400 graus Celsius.

Embora já se tenha teorizado a possibilidade de existir vida em Vênus, o planeta não atraiu grande interesse dos cientistas nesse sentido. Por isso, diferentemente de Marte, Vênus não foi alvo de expedições e investigações exaustivas.

  • O indício encontrado pelos astrônomos consiste na descoberta de fosfina ou fosfano na atmosfera do planeta. A substância, que pode ser usada como inseticida, está presente na Terra, onde é produzida por micróbios (por exemplo, as bactérias que habitam o intestino humano).

    No artigo acerca da descoberta, que foi publicado hoje na revista científica Nature Astronomy, os pesquisadores afirmam ainda que a quantidade de fosfina encontrada em Vênus é dez mil vezes maior do que o limite que poderia ser gerado por processos não biológicos, levando os cientistas a sugerirem uma explicação biológica — no caso, microbiológica — para o fato.

    De acordo com os responsáveis pelo estudo, cabe agora à comunidade científica buscar explicações inorgânicas para a produção de tanta fosfina. Se nenhum grupo de estudiosos conseguir encontrar uma justificativa coerente, o estudo pode ter acabado de responder a uma das questões mais antigas da humanidade. E a resposta: não, não estamos sozinhos.

    ASSINE VEJA

    Covid-19 no Brasil: o pior já passou Leia nesta edição: Queda na curva de mortes mostra sinais de alívio na pandemia. E mais: por que o futuro político de Lula está nas mãos de Bolsonaro
    Clique e Assine
    Continua após a publicidade
    Publicidade