Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Quase 1% do PIB do Brasil passa pelo WhatsApp, aponta estudo

O levantamento mostra que o gasto anual dos brasileiros, ligados de alguma forma ao aplicativo, fica entre 12 e 28 bilhões de dólares

Por Da redação
Atualizado em 9 mar 2017, 22h03 - Publicado em 9 mar 2017, 10h23

Um estudo apontou que o aplicativo de mensagens Whatsapp contribuiu com até 0,9% do Produto Interno Brasileiro (PIB). A empresa de consultoria e pesquisa Analysis Group foi a responsável pelo trabalho, encomendado pelo Whatsapp. A base  da análise é o ano de 2015.

O estudo aponta que o gasto anual dos brasileiros, ligado de alguma forma ao aplicativo, ficou entre 12 bilhões de dólares e 28 bilhões de dólares.

De acordo com a consultoria, um em cada três usuários se comunicavam com estabelecimentos comerciais e profissionais liberais pelo aplicativo.

Além do Brasil, foram avaliados Espanha, Alemanha e Índia. No Brasil, cerca de 50% da população usa o aplicativo, contra 47% na Espanha, 43% na Alemanha e 13% na Índia.

“Embora o WhatsApp tenha começado como um aplicativo para permitir que indivíduos se comunicassem com seus amigos e familiares, os resultados da nossa pesquisa sobre o uso do WhatsApp sugerem que ele é usado por outras razões, ajudando a impulsionar o crescimento econômico”, informa o relatório.

Globalmente, o WhatsApp possui 1,2 bilhão de usuários. Diariamente, estima-se que 50 bilhões de mensagens são enviadas pelo aplicativo.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.