Clique e assine a partir de 9,90/mês

SP tem madrugada com onze mortos e ônibus incendiado

Apenas em Santo André, quatro moradores de rua morreram em uma chacina

Por Da Redação - 9 nov 2012, 06h09

Onze pessoas foram mortas e um ônibus foi incendiado em mais uma madrugada violenta na Grande São Paulo, entre a noite de quinta-feira e a manhã de sexta-feira. Na zona sul da capital paulista, por volta das 22h, cerca de dez homens armados abordaram um ônibus biarticulado no bairro de Cidade Dutra e colocaram fogo no veículo. Os passageiros conseguiram descer antes do atentado, mas o cobrador acabou atingido pelas chamas e está gravemente ferido, com 30% do corpo queimado. Nenhum suspeito do ataque foi detido.

O ônibus pertencia a Viação Cidade Dutra e fazia a linha 6913 (Terminal Bandeira – Terminal Varginha) e seguia para o centro da cidade quando foi parado pelos bandidos. Por causa do ataque, os motoristas da viação fizeram um protesto nesta manhã e ficaram uma hora e meia parados na garagem da empresa, que tem 540 ônibus e atende 41 linhas na cidade. Os veículos só começaram a sair das garagens por volta das 5h30.

Mortes – Todas as onze mortes registras nesta madrugada aconteceram em um intervalo de apenas cinco horas, entre as 19h30 de quinta-feira e 0h30 desta sexta. Entre as vítimas, oito se encontravam em endereços muito próximos, em Santo André.

Na região sul de São Paulo, quatro pessoas foram mortas e outras cinco baleadas em duas ocorrências. Na rua Indochina, suspeitos em uma moto atiraram contra um grupo de pessoas. Um homem que tentou fugir acabou executado. De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, cinco pessoas foram baleadas no Jardim São Luiz e três delas morreram.

Em outro caso, três homens foram baleados por volta da meia-noite em uma praça em Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo. Dois deles morreram no local.

Chacina no ABC – Em Santo André, bandidos dentro de um carro abriram fogo contra moradores de rua na Vila Sacadura Cabral, matando quatro pessoas e deixando dois feridos. Pouco depois, outras duas pessoas foram atingidas por disparos em um local próximo e uma delas acabou morrendo. A polícia acredita que os dois crimes possam estar ligados.

Continua após a publicidade
Publicidade