Clique e assine a partir de 9,90/mês

Polícia apreende máquinas de empacotar cocaína em SP

Equipamento tinha capacidade de empacotar 150 mil papelotes da droga por dia

Por Da Redação - Atualizado em 26 set 2017, 10h43 - Publicado em 26 set 2017, 10h17

Três máquinas com a capacidade de empacotar 150.000 papelotes de cocaína por dia foram apreendidas pela polícia nesta segunda-feira, 25, na Zona Leste de São Paulo. No local, que funcionava como um laboratório, foram encontrados 270 quilos da droga e três pessoas foram presas. Um quarto membro da quadrilha e outros 10 quilos de cocaína foram encontrados em Indaiatuba, no interior paulista.

Os quatro detidos, três mulheres e um homem, eram responsáveis pela produção e distribuição da droga diretamente para os usuários. Segundo a polícia, o homem manuseava o equipamento enquanto as mulheres finalizavam o empacotamento. As máquinas, que funcionavam 24 horas por dia, ficavam em uma laboratório isolado acusticamente para que o barulho não chamasse a atenção dos vizinhos que viviam próximos do local.

A investigação, que começou no mês de junho, foi realizada pelo 1° Delegacia de Investigações de Entorpecentes do Departamento Estadual de Prevenção e Repressão do Narcotráfico (Denarc). Com pedido de busca e apreensão, a polícia esteve simultaneamente nos dois laboratórios, um na avenida Jacinto Menezes Palhares, no bairro da Vila Alpina, na zona leste, e em uma residência em Indaiatuba, a 104 km de São Paulo. A investigação deve seguir em busca de mais integrantes da quadrilha.

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Publicidade