Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Óleo chega à Praia dos Carneiros, joia turística de Pernambuco

Desastre ambiental já atingiu aproximadamente 180 praias numa extensão de 2.100 quilômetros da costa nordestina

As manchas de óleo que se espalharam pelo litoral da Região Nordeste atingiram nesta sexta-feira, 18, a Praia dos Carneiros, um dos principais pontos turísticos da costa pernambucana. A Prefeitura de Tamandaré convocou um mutirão para tentar proteger o local. Voluntários estão limpando a areia com o auxílio de tratores e caminhões.

O governo de Pernambuco trabalha com a possibilidade que as manchas de óleo atinjam a praia de Porto de Galinhas, em Ipojuca, durante o final de semana. Um levantamento feito pelo Ibama aponta que 180 praias foram afetadas pelo desastre ambiental. Segundo o Ministério Público Federal, o óleo se espalhou por uma extensão de 2.100 quilômetros na costa dos nove estados nordestinos.

Pontos turísticos importantes da região foram atingidos na quinta-feira 17. Na Baía de Todos-os-Santos, na Bahia, as manchas de óleo foram vistas em quatro praias procuradas por banhistas: Jaburu, Barra do Pote, Barra Grande e Tairu. Em Alagoas, o desastre afetou as piscinas naturais de Maragogi e Japaratinga.

O Instituto Brasileiro de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) informou que doze unidades de conservação federal foram afetadas pelas manchas de óleo. Entre elas estão os parques nacionais de Jericoacoara (CE) e dos Lençóis Maranhenses (MA). Também estão nesta contagem áreas de proteção como a Costa dos Corais (PE), os manguezais da Foz do Rio Mamanguape (PB) e as reservas de Santa Isabel (SE) e Prainha Canto Verde (CE).

Um estudo encomendado pela Marinha à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) apontou que o vazamento de óleo pode ter ocorrido em uma área entre 600 a 700 quilômetros da costa, na altura dos estados de Sergipe e Alagoas.

Segundo o Ibama, 29 animais já foram afetados. Duas aves foram encontradas mortas, e uma foi resgatada com vida. Entre as tartarugas marinhas, 26 foram encontradas, mas quinze morreram. Em acréscimo, 486 filhotes das espécies foram capturados preventivamente, como forma de protegê-las da poluição.