Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Guardas desmancham homenagem a Marielle: ‘Liberdade não é absoluta’

Comando da Guarda Municipal de Ouro Preto (MG) apoiou a atitude dos soldados de impedir 'desenhos de cunho político' em celebração da Semana Santa

Por Da Redação Atualizado em 22 abr 2019, 14h40 - Publicado em 22 abr 2019, 12h38

Todos os anos, a Semana Santa é marcada em Ouro Preto, cidade histórica de Minas Gerais, pelo ritual de decoração das ruas com a confecção de tapetes de serragem. No material, são formados desenhos, em geral de imagens religiosas relacionadas à Páscoa.

Neste ano, uma homenagem à vereadora Marielle Franco (PSOL), assassinada no Rio de Janeiro em março de 2018, foi desmanchada por um grupo de guardas da Guarda Civil de Ouro Preto. A ação dos policiais, que chutaram a serragem para ocultar o desenho do nome da vereadora, foi acompanhada por manifestantes que gritavam “Marielle vive” e proferiam ofensas ao presidente Jair Bolsonaro (PSL). Um vídeo do tapete sendo pisoteado foi postado nas redes sociais.

Em nota, o Comando da Guarda Civil confirma ter realizado a ação. Segundo a corporação, a “liberdade de expressão não é absoluta, ainda mais quando outros direitos estão sendo afetados”. A nota prossegue e informa que os guardas atuaram, como orientados, para desmanchar “desenhos de cunho político”.

“O Comando da Guarda Civil Municipal vem publicamente agradecer a todos que contribuíram direta e indiretamente para a gloriosa Semana Santa de Ouro Preto, em especial aos guardas, policiais que bravamente mantiveram a ordem do princípio ao fim.

Quanto ao episódio onde os agentes municipais desmancham desenhos de cunho político, entre outros, que nenhuma relação possuem com os “tapetes devocionais”, informamos que a liberdade de expressão não é absoluta, ainda mais quando outros direitos estão sendo afetados. O recado já foi dado em 2018, em 2019 não foi diferente.

Respeitem Ouro Preto, nossas tradições”.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês