Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ex-líder do Cartel de Juárez é preso em Brasília

Polícia do DF apreendeu 30.000 em dinheiro vivo e joias com o mexicano Lúcio Rueda Bustos, que usava um documento falso

Ex-líder do Cartel de Juárez, um dos maiores do México, o traficante Lúcio Rueda Bustos foi preso em Brasília na quarta-feira 27 pela Polícia Civil do Distrito Federal. Ele estava em um hotel na Asa Norte e, quando abordado pelas autoridades, deu um nome falso.

Os policiais apreenderam mais de 30.000 reais em dinheiro vivo com Bustos, além de joias e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa que ele usava. O mexicano veio para o país no início dos anos 2000 e tinha passagens anteriores pela polícia.

Em 2007, ele foi condenado a 10 anos e seis meses de prisão no Paraná por lavagem transnacional de dinheiro. Bustos foi acusado de comprar, com os recursos, bens avaliados em 18 milhões de reais, que foram leiloados depois.

Cartel

Bustos era um dos homens de confiança de Carrillo Fuentes, o principal chefe do Cartel de Juárez. Ex-tenente-coronel do Exército do México, Bustos era responsável pela logística do grupo criminoso.

Na época, o Cartel de Juárez era apontado pelo Drug Enforcement Administration (DEA) – órgão americano que combate o tráfico de drogas – como a principal organização do tráfico depois do colombiano Cartel de Cali. Segundo o DEA, o ápice do cartel mexicano se deu na década de 90, quando ele faturava 200 milhões de dólares por mês.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Paulo Bandarra

    Um grande devoto de Cristo, pelos achados com ele.

    Curtir

  2. Paulo Bandarra

    Que crime é impossível se Deus perdoa todos?

    Curtir