Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Como Teori Zavascki chegou ao STF e passou a relator da Lava Jato

A trajetória do discreto ministro, que na semana que vem homologaria as delações de executivos da Odebrecht

O catarinense Teori Albino Zavascki, morto aos 68 anos em um acidente aéreo, ocupava o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) desde novembro de 2012, quando herdou a cadeira de Cezar Peluso. Ele foi convidado pela então presidente Dilma Rousseff quando era ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para ocupar uma vaga no STF.

Era um nome ligado ao ex-governador do Rio Grande do Sul, o petista Tarso Genro, que fez questão de declarar a “paternidade” da indicação em seu perfil no Twitter naquela época. “Defendi sua indicação para o ministro José Eduardo Cardozo e formalizei para a presidente nossa defesa do ministro Zavaskci”, escreveu então.

Ele foi desembargador do Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região até 2003, quando chegou ao STJ nomeado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. É ministro substituto do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com carreira direcionada ao direito tributário, trabalhou no Banco Central e em várias instituições financeiras.

No retorno do recesso do Judiciário, caberia a Teori, relator-geral da Lava Jato, homologar as delações premiados dos executivos da empreiteira Odebrecht. De perfil reservado e discreto, era avesso a entrevistas. Perdeu a mulher, Maria Helena de Castro, em 2013, vítima de câncer.

Trajetória

Natural de Faxinal dos Guedes, em Santa Catarina, Teori Albino Zavascki nasceu em 15 de agosto de 1948. Ele se formou em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), em 1972. Na universidade, ele também fez o seu mestrado (2000) e doutorado (2005).

A entrada no funcionalismo público foi em 1976, como advogado do Banco Central, função que ele exerceu até 1989. Naquele ano, mediante decreto presidencial assinado pelo então presidente José Sarney (PMDB), como um dos primeiros juízes do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que responde pelos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Antes do STF, Teori Zavascki exerceu o cargo de ministro no Superior Tribunal de Justiça (STJ), entre 2003 e 2012.

Ele também exerceu longa atividade como professor universitário, a partir de 1980 quando foi aprovado em concurso para a Universidade do Vale dos Sinos (UNISINOS) até 1987, quando assumiu vaga na UFRGS, onde lecionou até 2005. Neste ano, já ministro do STJ, assumiu cadeira na Universidade de Brasília (UnB).

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Silvano Santos

    Não gosto de achismo, porem, essa situação não deve ser tratada como mero “acidente”.

    Curtir